sábado, janeiro 28, 2012

Ciao!!!



Sabe o meu radar de série? Disparou alegre e feliz quando fiz a seguinte equação: mocinho Sullivan + Teresa Carpenter. Já havia lido um livro com este tipo de personagem, onde dizia que era uma daquelas famílias gigantes. Aí quando vi este livro no Lançamentos de Julho soube que leria o próximo capítulo... Bem, a convicção durou até umas descobertas que eu vou compartilhar já, já...

Felizes… Para Sempre? – Teresa Carpenter – Harlequin Special 49 (Baby on Board)
(Her baby, his proposal – 2008 – Mills & Boon Romance)
Personagens: Jesse Manning e Brock Sullivan

O mundo de Jessie não contente em virar do avesso, desabou de vez. Estava grávida, tinha sido abandonada pelo namorado, que ainda roubara todo o dinheiro que estava no banco. O pouco que restara, ela emprestou para a companheira de apartamento. Não tem quem agüente tudo isso. Ao acordar de um desmaio, um anjo da guarda disfarçado de oficial da Marinha a havia socorrido e levado ao hospital. Foi quando a maré mudou. Brock se sentiu comovido pelos problemas enfrentados por Jessie e ofereceu ajuda: se eles se casassem, ela teria benefícios para se cuidar e o apoio das outras esposas de marinheiros. Um acordo conveniente para ambos. Até quando?

Comentários:

- O livro é muito fofo. Quisera que todas as pessoas muito encrencadas tivessem um anjo da guarda para socorrê-las quando não parece haver luz no fim do túnel. Jessie estava em um desses momentos onde tudo dá errado ao mesmo tempo. E teve a sorte de ser socorrida pelo oficial mais confiável da Marinha dos Estados Unidos: Brock Sullivan. No início, você desconfia que ele tem complexo de Cruz Vermelha: levou ao hospital, se compadeceu com a situação dela e arrumou uma baita solução – bastava eles se casarem.

- Aí partimos para a fase 2, a construção de um relacionamento entre eles, a princípio de amizade e cumplicidade (o capítulo dos e-mails entre eles é especialmente tocante). Quando Brock retorna para casa, passamos ao momento “Bam Bam” ou se você preferir “leitora quer um porrete para colocar a cabeça-dura do Oficial Sullivan na rota correta”. O anjo da guarda pode ser drasticamente rebaixado à categoria mula (charmosa, claro, mas, ainda assim, mula) empacada no barro – ou seja, só um guindaste para tirá-lo dali (porque esperar a bonança da livre e espontânea vontade é pedir demais, né?). A essa altura, você que já sabe do trauma do moço e da fortaleza em que a moça se tornou, tem a esperança de que tudo vai se acertar, apenas que umas arestas precisarão ser aparadas, o que não vai poupá-los de sofrimento. Enfim, é muito fofo, muita sessão da tarde, vale a pena ler...

- Voltando a falar sobre a minha convicção que foi por água abaixo (que mencionei lá na abertura)... Nem o Fantastic Fiction, minha fonte mais habitual de pesquisa, percebeu que era uma série. Na página da Teresa Carpenter, você precisa brincar de “ache os livros”, porque parte está como série Baby on Board e parte na listagem normal de livros. Então, eis os meninos Sullivan, na ordem cronológica de lançamento:

1 – Daddy’s little memento - Alex Sullivan - 2004 – ainda não lançado em Português

2 – Baby Twins: Parents Needed - Ford Sullivan – 2007 - Dois Corações – Harlequin Special 43 (Baby on Board)

3 – Her baby, his proposal - Brock Sullivan - 2008 - Felizes... Para sempre - Harlequin Special 49 (Baby on Board)

4 – Sparks fly with her mayor - Cole Sullivan - 2010 – ainda não lançado em Português.

5 – Boss’s surprise son - Rick Sullivan - 2011 – Bebê de Surpresa – Harlequin Special (Baby on Board). Ainda não li, foi lançado em janeiro pela Harlequin Brasil.

6 – Playboy’s gift - Rett Sullivan - 2011 – ainda não lançado em Português.

- Pois é, a bonita aqui feliz da vida achando que estava lendo a série – que não foi identificada como série (nem lá fora nem aqui) na ordem até quebrar a cara. O livro #1 não foi lançado. Nem o livro #4. Mas os livros #2, #3 e #5 já foram (porque lá fora, eles fazem parte da série Baby on Board - os demais, não). Vamos rezar o trio restante seja lançado logo e assim a gente possa conhecer mais sobre os intrigantes, complexados e complexos Sullivan e as valentes que se dispuseram a conquistá-los...

- E a Teresa Carpenter não tem site. Achei um resumo sobre ela aqui. Para ver mais sobre ela no LdM, clique aqui.

Bacci!!!

Beta
Reações:

5 comentários :

  1. Oi Beta!

    Ai, eu quero o livro só por ser tão fofo!!! Eu quero!

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Eu li alguns da serie Baby on Board, e nao tinha notado esse fator de serie Sullivan. eu nao reparo nessas coisas. ai eu quero esse livrooooooo, apesar do mocinho ser uma mula. *-*

    adorei o poste ♥




    Noelle
    http://bprinces.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Beta!

    Esta é a minha história preferida da série até agora. O capítulo dos e-mails é tocante, vai criando na gente a simpatia pelos personagens e a torcida para que dê tudo certo.

    Claro que o DNA de mula estava presente, era muito bom prá ser verdade e a vontade de dar umas porretadas no Brock eram quase irresistíveis e só o amadurecimento da Jessie prá dar conta das "mulices".

    Mas o livro é ótimo, bem Sessão da Tarde e muito gostoso de ler.

    Beijos!!!

    PS.: ah, guarda o porrete. Você vai precisar dele quando ler Bebê de Surpresa para usar na cabeça de jacarandá da mocinha...

    ResponderExcluir
  4. Adoro livros com essa tematica mais leve. Depois de um tempo a gente cansa dos milionárioa arrogantes e é bom pegar um SEAL gostosão pra variar!!

    ResponderExcluir
  5. Ora, perdoem-me, mas eu não fiquei muito simpatizada por ela e por ele apesar de parecer que ler esse livro seria muito legal !

    ResponderExcluir