sábado, agosto 27, 2011


E cá estou eu às voltas com estes homens ítalo-americanos da família Medici, de novo. Outros daqueles meus “tropeços” típicos – comprei o primeiro livro por mera curiosidade científica sobre a capa, vi que era série e saí à caça dos demais livros. A boa notícia é que todos já foram lançados – e recentemente, o que permite que vocês ainda os encontrem em bancas ou sebos Brasil afora. A notícia não tão boa é que não foram identificados como série. E a melhor notícia é que o Literatura de Mulherzinha está aí pra resolver este problema!

Proposta Atraente – Leanne Banks – Desejo 144 (Medici Men 3)
(The playboy’s proposition – 2010 – Silhouette Desire)
Personagens: Bella St. Clair e Michael Medici

Michael tinha um lema muito simples de vida: conseguia tudo o que queria. E quando viu Bella, uma garçonete de um de seus bares, nem hesitou em convidá-la para uma noite de paixão – deixando claro que sentia que ela também o desejou à primeira vista. Michael queria mais que uma noite. Bella hesitou. No entanto, o destino fez com que os caminhos deles novamente se cruzassem. Desta vez, ambos teriam o que queriam – e, sem perceber, até mais que isso...

Comentários:

- o/ Quero um Michael Medici. Pra já. Pra ontem, se preferir. O cara joga limpo o tempo todo e não importa em paparicar a moça. E se a Bella conhecesse os dominadores/boçais que já li pelas estantes da vida, perceberia a diferença: Michael não falta o respeito com ela em nenhum momento. E o que era para ser um relacionamento sem amarras, puramente luxúria, acaba se aprofundando à medida que eles precisam trabalhar juntos e a curiosidade os impele a saber mais sobre os problemas um do outro (o que não significa que será fácil).

- Este livro é sobre um relacionamento em construção – mesmo que eles não tivessem a menor idéia de onde chegariam quando acertaram o acordo para o “caso” (na falta de palavra melhor) por um ano. Ambos tinham a certeza de que não amariam ninguém e por isso o coração estava a salvo (sim, eles faltaram à aula sobre “certezas sobre isso foram feitas para serem demolidas”). E tem horas que a Bella me irrita - irritação do tipo “minha filha, homem não está dando sopa. Homem, assim, então, está mais raro que moeda de 1 centavo. Se pegou o seu, agarre e não solte mais, entendeu?”. Um pequeno exemplo é a cena onde eles estão em cidades diferentes, conversando por telefone e Bella comenta que a tia, que a criou, aceitou um convite para sair:
(...) - Portanto, ela está apreciando uma refeição gourmet, e eu comendo feijão enlatado.
- Você podia ter ligado para meu chef e pedido que ele lhe levasse alguma coisa.
- Feijão em lata está bom. Não me importo. Como vai indo seu trabalho?”(p.97-98)
Não, Bella, não! Feijão em lata não está bom! O cara não mandou você ligar pra um disque-fast-food. Mandou ligar para o chef dele! Eu ligava e pedia um nhoque (virou um prato obsessão porque faz tempo que não como) ou uma lasanha quatro queijos. Há limite para humildade e abnegação, não acha?

E se achou isso pouco, leia só o fim desta conversa, na página 99:
(...) - Compre algo amanhã. Pagarei pelo traje. Mandarei meu chofer ir até você com meu cartão de crédito.
- Preciso trabalhar amanhã. Sábado é o dia mais movimentado.
- Faça bom uso de sua hora do almoço então.
Bella deu um suspiro.
- Você é tão mandão. Seria bem feito se eu estourasse seu cartão.
Ele riu.
- Querida, você não poderia fazer isso nem em um ano, muito menos em um dia.
Aham. Deus não deu asa à cobra à toa. #fato. Não aparece nenhum milhardário dono de restaurantes que manda o motorista me entregar o cartão de crédito totalmente ilimitado (ele teria que comprar outra casa pra eu guardar os livros kkkk).

- Já deu pra entender que vale a pena, né? Os outros livros da série são bons, mas este se tornou o meu favorito porque a gente acompanha a evolução do relacionamento de Michael e Bella e até adivinha onde eles terminarão antes dos dois se darem conta (sim, me ganhou pelo estômago com o “Você podia ter ligado para meu chef e pedido que ele lhe levasse alguma coisa”). Claro que não será fácil, mas é uma jornada que vale a pena acompanhar. E este livro ainda deixa no ar a existência da quarta história ligada à trama dos homens Medici (que devo admitir, foi uma surpresa, porque achei que era uma trilogia e não me lembrava de ter visto outro livro com personagem com o sobrenome deles. O mistério acabou resolvido durante uma visita à Banca do Vasco quando encontrei um livro da autora em cima de uma pilha – e a melhor parte, graças à Andrea, já tenho aqui em casa \o/).

- Por isso, vamos colocar ordem na série Medici Men (Os Homens Medici)

1. Billionaire Extraordinaire (2008) - Damien Medici & Emma Weatherfield - Coração Falso - Harlequin Special 15 (é o 3° livro de outra série chamada Billionaire's Club)


2. From Playboy to Papa! (2010) - Rafe Medici & Nicole Livingstone - Guardião do Desejo, Harlequin Desejo 140. Rafe, irmão de Damien, aparece em algumas cenas de Coração Falso.

3. The Playboy's proposition (2010) - Michael Medici & Bella St. Clair - Proposta Atraente, Harlequin Desejo 144. Michael também aparece nos livros anteriores.

4. Secrets of the Playboy's Bride (2010) - Leonardo Grant & Calista French - Segredos de Amantes, Harlequin Desejo 148.

Repito: homem bonito dá muito trabalho... Ah, vale a pena visitar o site da Leanne Banks.

Bacci!!!

Beta
Reações:

4 comentários :

  1. Oba
    Pelo menos já foram publicados... li o do Rafe dia desses e achei DIGNO kkkkk

    Agora é ir em busca dos outros... espero que nos sebos do centro do Rio tenha hahahah (tô de férias no Rio!!)

    ResponderExcluir
  2. Oi, Beta!

    Esse foi, de longe, o meu favorito!!! Adoro livros em que o relacionamento vai se desenvolvendo naturalmente e não se resolvem "pá-pum".

    A Bella deu nos nervos em algum momento, mas amei a história e o melhor é que tem a série toda publicada, para a nossa felicidade!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi Beta!

    Depois que vi a foto do livro do Rafe ak no LDM, fui a caça e consegui não só ele, mas de quebra o Michael...rs.

    Enfim, eu gostei muito do livro, no entanto achei o final muito rapidinho... mania de quem quer sempre mais!

    bjos
    Mara

    ResponderExcluir
  4. Saboroso ! Adorei essas duas versões de capa para poder ver esse bonitão de cartão de crédito ilimitado (ah, três semanas de férias em um spa principesco com direito a banho de vinho e massagem completa diária ...) sob todos seus ângulos. ^^

    ResponderExcluir