sábado, julho 16, 2011



Não se deixe distrair pela capa – sim, reconheço que aquele céu azul, o reflexo do sol na água do mar e aquele breve pedaço de mata verde inspiram um relaxante descanso de férias – e mergulhe de cabeça nesta história que, sim, faz parte de uma série (ou seja, mais homens Medici soltos por aí).

Guardião do Desejo – Leanne Banks – Harlequin Desejo 140
(From Playboy’s to Papa! – 2010 – Silhouette Desire)
Personagens: Nicole Livingstone e Rafe Medici

Uma foto no jornal tinha trazido uma revelação chocante para Rafe Medici: ele tinha um filho. Um filho que não conhecia e que não o conhecia. Tratou de tomar as providências para que isso fosse remediado – afinal de contas, estes homens com ascendência italiana não entendem a existência de um mundo diferente dos desejos dele. Nicole não caiu nos braços dele e se mostrava reticente demais – priorizava o pequeno Joel, ao invés de agradecê-lo por oferecer uma vida de luxo a ambos. E não estava disposta a facilitar nada para Rafe – muito menos, ser seduzida facilmente. Se ele quisesse, teria que lutar por Joel e por ela.

Comentários:

- Gostei do livro porque começa como tantos outros – homem italiano descobre que tem filho e, com orgulho ferido, parte como um trator para “compensar o tempo perdido e exercer os direitos paternais”. Claro que ele pensa em comprar Nicole, quando percebe que não vai funcionar, decide que a sedução seria interessante porque havia química entre os dois. O problema é que Nicole não se torna uma garota “sim, querido”. Não torna a vida dele moleza. Quer ser pai? Tem que aprender! Pode até ceder à sedução, mas não vai misturar as estações.

- Nicole é tia de Joel. A mãe era a gêmea dela, Tabitha, idêntica por fora, mas com personalidade totalmente oposta. Por causa da perda precoce dela, Nicole prometeu que Joel jamais passaria pelo que ambas enfrentaram e era essa a razão de ela ser tão protetora. O que mais me atraiu no livro é que as certezas italianas de Rafe vão se desmontando diante da realidade: ele não pode exigir nada, tem que conquistar a paternidade que tanto deseja, conhecer o filho para que o menino o ame. E foi bem interessante ver o papel do “personagem desconfiado” com Nicole (que tinha razões muito sérias para não baixar a guarda) – porque, geralmente, neste tipo de tramas, a mocinha é sempre vítima da desconfiança e acusações do mocinho até 3 ou 2 páginas antes do fim.

- No fim das contas, foi uma história muito boa sobre mais um dos Homens Medici. Lembrem-se de que eu descobri a série por acaso. Já fiz resenha sobre o primeiro livro, Coração Falso (que é o ponto de encontro de DUAS séries). E os irmãos de Rafe aparecem em cenas deste livro, vale a pena o revival...

Série Medici Men (Os Homens Medici)

1. Billionaire Extraordinaire (2008) - Damien Medici & Emma Weatherfield - Coração Falso - Harlequin Special 15 (é o 3° livro de outra série chamada Billionaire's Club)


2. From Playboy to Papa! (2010) - Rafe Medici & Nicole Livingstone - Guardião do Desejo, Harlequin Desejo 140. Rafe, irmão de Damien, aparece em algumas cenas de Coração Falso.

3. The Playboy's proposition (2010) - Michael Medici & Bella St. Clair - Proposta Atraente, Harlequin Desejo 144. Michael também aparece nos livros anteriores.

4. Secrets of the Playboy's Bride (2010) - Leonardo Grant & Calista French - Segredos de Amantes, Harlequin Desejo 148.

Bacci!!!

Beta
Reações:

7 comentários :

  1. Vou resumir meu comentário em:

    UAUUUUUUUUUUUUUUU, QUE CAPA!!!!

    ResponderExcluir
  2. UAUUUUUUUUUUUUUUU, QUE CAPA!!!!²

    Além disso a sua resenha Beta me incentivou... e agor vou correr atrás, porque quero muito ler!

    bjos
    Mara

    ResponderExcluir
  3. Coração falso eu consegui fazer download mas esse aí eu não achei mas vou procurar no sebo, parece ser muito bom.

    ResponderExcluir
  4. Oi!!!!

    Meu Medici favorito é o Michael, adorei a história dele e da Bella. Mas o Rafe também dá pro gasto! kkkkkk

    Essa capa me lembra uma reportagem sobre praticantes de Pole Dance que vi na TV: a equipe levou os praticantes para uma praça e apurou os comentários dos populares que passavam.

    Uma senhora não se fez de rogada e ao ver o rapaz só de calça jeans pendurado naquele poste e com uma barriguinha tanquinho caprichada, não perdoou: "Ah, um desses prá lavar roupa lá em casa!" kkkkk

    Acho que o rapaz da capa causou o mesmo efeito! kkkkk

    Mas a história é muito boa, gente, mesmo sem tanquinho!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Um verdadeiro deus grego, apesar de ser italiano.
    até mais.
    bye bye.
    Ps:Passa no blog loucaporromances, que tem um selinho pra você.
    bye,bye.

    ResponderExcluir
  6. Ok, eu direi "UAU !!!" também, mas cobiçaria aquela maravilha masculina de seu queixo para baixo: meu irmão é loiro então homens loiros não são atrativos para mim. Eu devo ter criado minhas preferências deixando loiros de lado devido à alguma idéia inconsciente sobre incesto que um homem de cabelos loiros acarretaria para mim. Mas UAU !!!

    ResponderExcluir
  7. Oi Beta!

    Consegui meu Rafe Medici e devorei, admito que amei e valeu pela dica.

    bjos
    Mara

    ResponderExcluir