segunda-feira, novembro 11, 2013

Ciao!!!




Li este livro em HORAS. Significa “leitura sem parar porque precisava desesperadamente saber o que ia acontecer.” E muitas risadas com as aventuras e desventuras dos personagens.
Ou seja, preciso dizer que é leitura imperdível e obrigatória?

O Visconde que me amava – Julia Quinn – Arqueiro (The Bridgertons 2)
(The Viscount Who Loved Me 2000)
Personagens: Anthony Bridgerton e Katharine “Kate” Sheffield

Anthony tinha uma certeza e, por causa disso, entendeu que havia chegado a hora de se casar. Na mente dele estava tudo definido: escolheria uma mulher adequada, a respeitaria, teriam filhos, ele cuidaria dela, mas nunca poderia amá-la. E a “Incomparável” da temporada de 1814, Edwina Sheffield, estava perfeitamente adequada para o que ele tinha em mente. Mas a irmã dela, Kate, estava convencida de que ele não daria um bom marido e ele teria que fazer com que ela mudasse de ideia.

Comentários:

- Apesar do início do livro já entregar de cara qual é a “certeza” que motiva as decisões de Anthony, não vou contar aqui. Você tem que ler para entender o que aconteceu que o levou a agir assim. No fim do livro, tem uma carta da autora sobre o assunto, porque ela ficou preocupada imaginando que quem lesse poderia não compreender. Por mim, ela pode ficar tranquila. Fez total sentido.

- Como é bom ler livro onde a autora domina os personagens e sabe o que faz com eles. Anthony apareceu no livro de Daphne como irmão mais velho superprotetor. Agora ele está de vez na mira das casamenteiras com uma diferença – ele está decidido a se casar, mas nos termos dele. Ele já escolheu a noiva ideal, mas para cortejar Edwina precisava da aprovação da irmã mais velha e menos deslumbrante, Kate. E Kate não tinha muita paciência com admiradores aduladores nem com libertinos que agora queriam sossegar.

- Óbvio que “o santo” de Kate e de Anthony não bate de jeito nenhum. Os dois são mais parecidos que conseguem perceber, tão preocupados que estavam em irritar e provocar um ao outro. Há cenas hilárias, como a do passeio perto do lago com Newton, o cachorro socialíssimo; o jogo de Pall Mall dos Bridgertons (se houvesse algo parecido na minha família, posso garantir que a dinâmica seria muito parecida); a cena da defesa da honra de um patinho feio no baile lavou a minha alma. É muito legal ver a relação de Kate e Anthony evoluindo da antipatia para a compreensão e para o amor. É muito gostoso vê-los descobrir, como disse ali em cima, o quanto parecidos e perfeitos um para o outro eles são. E vale a pena conferir o quanto um ajuda o outro a se tornar uma pessoa melhor, mesmo com os defeitos e com os medos de cada um.

- E de quebra, voltamos a acompanhar a dinâmica da família, com participações de todos os irmãos, em especial dos outros dois rapazes mais velhos Benedict e Colin (aliás, sinto que quando chegar a vez dele, Anthony vai passar o livro com uma placa: “BEM-FEITO!” só para se vingar de algumas coisinhas que Colin faz aqui). Eloise também aparece, com uma missão importante e a gente ainda revê Daphne e Simon desfrutando de plena felicidade conjugal. Estou com uma suspeita envolvendo uma personagem que apareceu na história conversando com Kate, mas quero dar uma pesquisada para saber se faz sentido. E definitivamente preciso descobrir quem é a superbeminformada Lady Whistledown, mas por enquanto nenhuma das minhas suspeitas parece ser a correta (e nem adianta, não vou ler spoilers sobre isso porque gosto de brincar de detetive).

Eis a lista completa da série Bridgertons, com o nome de cada irmão protagonista. 

1. The Duke and I (2000) - O Duque e Eu – Daphne Bridgerton e Simon Basset. 
2. The Viscount Who Loved Me (2000) – O Visconde que me amava – Anthony Bridgerton e Kate Sheffield
3. An Offer from a Gentleman (2001) – Um perfeito cavalheiro – Benedict Bridgerton e Sophie Beckett (a capa deste livro está na contracapa de O Visconde que me amava). 
4. Romancing Mr. Bridgerton (2002) – Os segredos de Colin Bridgerton –  Colin Bridgerton e Penelope Featherington.
5. To Sir Philip, with Love (2003) – Para Sir Philip, com amorEloise Bridgerton e Sir Phillip Crane
6. When He Was Wicked (2004) – O conde enfeitiçado - Francesca Bridgerton Stirling e Michael Stirling
7. It's in His Kiss (2005) – Um beijo inesquecível - Hyacinth Bridgerton e Gareth St. Clair
8. On the Way to the Wedding (2006) – A caminho do altar-   Lucinda “Lucy” Abernathy e Gregory Bridgerton
9. The Bridgertons: Happily ever afterE viveram felizes para sempre – epílogos para toda a família


Bacci!!!

Beta 
Reações:

3 comentários :

  1. Essa série é tão boa que eu estou comprando de Portugal, que está na frente nas publicações, mas tá demorando a vir o quarto livro, aff... E do Brasil também! kkkkkk Parece coisa de doido, mas não é. A série é apaixonante!

    Não percam!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Eis uma série que eu estou comprando desde que começou a ser publicada sem temor de ser feliz. Eu terei romances de todos esses irmãozinhos para ler sem dúvida, assim como eu tenho minha suspeita sobre Lady Whistledown e sua identidade ...

    ResponderExcluir
  3. Esse e o quarto livro da série estão empatados como favoritos, pra mim. Eu adoro a interação do Anthony e da Kate. Ah, e cena do passeio com o cachorro! Ri muito quando li! Leitura imperdível, realmente!
    bjs!
    Thaís

    ResponderExcluir