sábado, dezembro 03, 2011

Capa Original
Da escassez à fartura! Depois do desespero para achar um livro com amnésia, a dificuldade para dezembro foi selecionar só UM livro contemporâneo para a Maratona de Banca 2011. Peguei uma autora que ainda não conhecia bem - ela estreou no LdM há menos de um mês - e acho que não vão precisar de muito esforço para entender o motivo da minha escolha... XD

Coração Aberto - Natalie Anderson - Harlequin Modern Sexy 36
(Between italian’s sheets – 2009 - Harlequin Modern Heat)
Personagens: Emily Dodds e Luca Bianchi

Emily tinha viajado para realizar sonhos: o dela, de conhecer a Itália, em especial, Verona e o da irmã, que queria se tornar uma cantora famosa. Foi em um festival de ópera que um estranho cruzou o seu caminho e impediu sua visão. E depois desviou seu caminho, porque ele era lindo, sedutor, educado e estava interessado nela, que sempre vivera à parte e nas sombras da irmã. Luca não queria compromisso – e tinha motivos sérios para isso - mas se encantou pela turista vinda da Nova Zelândia. E o que começa como um affair de férias, um romance de verão, pode se tornar algo bem mais sólido que isso... Se sobreviver às dúvidas e angústias deles...

Comentários:

"De perto, ele não tinha apenas boa aparência; era espetacular. Enquanto a presença física chamava a atenção a distância, de perto era a expressão dele que a fascinava.
Era alto, moreno e lindo. Até aí, um clichê. Como quase todos os homens que Emily tinha visto naquela cidade, ele estava vestido com elegância. Porém, havia muito mais. Havia o maxilar forte e o leve sombreado da barba por fazer. E bem no centro, estava a boca, grande e carnuda, contrastando com maças do rosto salientes. Uma boca que levantava dúvidas que Emily queria responder: era mesmo tão macia quanto parecia? Era quente ou fria? Com certeza, era infinitamente tocável. Muito convidativa.
Competindo de perto com os lábios, estavam os olhos. Castanhos profundos, cor de chocolate, eram emoldurados por cílios grossos e longos. Olhos que brilhavam calorosamente e que possuíam, ao mesmo tempo, uma força e uma sensação de perigo, o que despertou a curiosidade de Pandora em Emily." (p.8-9)

- Sim, essa descrição, somada ao nome e ao fato de ser italiano, atraiu a minha atenção como a mariposa para a luz. Óbvio. No entanto, o livro é uma surpresa, porque apesar da leveza vendida em seu resumo oficial (que eu publiquei no post sobre minhas escolhas para a Maratona de Banca 2011), ele é mais do que parece. Sim, os dois se encantam um com o outro, se sentem bastante atraídos e cedem à atração. No entanto, à medida em que convivem, percebem que o pacto "viva hoje sem pensar no amanhã" pode se tornar insuficiente para o que estavam construindo. Ele se revela, como nunca antes. E os traumas que ele passou - que o fazem fugir do compromisso como eu das notícias ruins - o tornam um ser humano, com falhas e virtudes, não um canalha que usa desculpa esfarrapada para levar mulheres para a cama. É uma abordagem a um tema "atração à primeira vista entre uma turista e um homem local" (sendo homem local - milionário italiano) que poderia descambar para algumas variações que me deixariam irritada no final. No entanto, confesso, esse me fez pensar e, por motivos que não cabem aqui, consigo entender perfeitamente a atitude de Luca - é uma forma de se proteger. E ainda bem que ele teve a sorte de encontrar Emily - que ressaltou que se proteger e se isolar necessariamente não são a mesma coisa, ainda mais quando se trata de um ser humano com uma grande capacidade de cuidar e amar o próximo (e nem preciso entrar em detalhes como ele ama muito bem "a próxima" XD)

- Confesso que achei Emily de uma coragem admirável. Tenho uma mania escorpiana de sempre saber onde está o chão antes de pisar. Evita tombos. Não conseguiria dar esse passo da fé - fechar o olho e se jogar em um romance sem amarras - porque não conseguiria lidar com isso e muito menos com as prováveis e possíveis complicações. Ela não só fez isso como arriscou tudo. Claro que houve uns chamuscos, mas no fim... bem, você vai ter que ler.

- A autora tem site oficial e um blog onde constam formas de seguí-la no Twitter e no Facebook. :D

Bacci!!!

Beta
Reações:

2 comentários :

  1. Simplesmente adoro Natalie Anderson!!!! Está entre as minhas autoras favoritas. Tudo que ela publica eu compro e não me arrependo!!!

    Essa história é boa, mas acho que ainda há outras melhores. Porém, vale a pena a leitura, a construção das personagens é perfeita!

    ResponderExcluir
  2. Indicação anotada ... ^^

    ResponderExcluir