terça-feira, junho 13, 2017

Ciao!

Aproveitando que hoje é dia de Santo Antônio – que tem fama de ser casamenteiro - fiz esta listinha com histórias de casórios que já estão no acervo do Literatura de Mulherzinha.
Os critérios? Minha memória e livros que entraram no blog até 2016 .
Espero que vocês gostem. Já leram? Tem outras dicas? Eu aceito!




Ligeiramente Casados, Mary Balogh: 
Um casamento de conveniência para cumprir uma promessa. A jornada de Eve e Aidan é o nosso ponto de partida na série Bedwyn, que eu recomendo.







Pecados no Inverno, Lisa Kleypas:
Uma jovem quer se libertar da exploração da família materna. A estratégia: um casamento por conveniência com um libertino.  







O amor nos tempos do ouro, Marina Carvalho:
Uma jovem francesa “vendida” em casamento para um fazendeiro cruel dono de terras Minas Gerais é o ponto de partida para um livro que eu considero impecável.







Bodas de Fogo e O anel de noivado, da Deborah Simmons:
Casamentos determinados pelo reiunem pessoas de temperamentos fortes, que precisam encontrar uma convivência e enfrentar inimigos. São os meus xodós.  






A caminho do altar, Julia Quinn:
Depois de ver todos os outros Bridgertons se casarem, Gregory estava louquinho para subir ao altar. No entanto, se envolveu em uma confusão danada para conseguir isso.






Hoje e sempre, Nora Roberts: 
Daniel penou para levar Anna para o altar. É aqui que a gente descobre a história do patriarca e da matriarca dos MacGregor, em uma história elegante, adorável e de gente determinada.






Álbum de Casamento, Nora Roberts: 
A citação à série sobre quatro amigas donas de uma empresa que organiza casamentos era óbvia, mas ainda tem o bônus do maravilhoso Carter Maguire!







Juliet, Nua e Crua, Nick Hornby:
Opiniões divergentes sobre uma versão de um álbum são pano de fundo para a discussão sobre um casamento em crise – onde os cônjuges estão avaliando o que fizeram de sua vida.






Procura-se um marido, Carina Rissi: Alicia precisa de um marido temporário para recuperar a herança e encontrou o Max. Ao invés de solução, os dois tiveram que enfrentar muita confusão até o final desta história.







1 milhão de motivos para casar, Gemma Townley:
Para ter sossego, Jessica inventou que era noiva do chefe. Agora para receber uma herança, teria que se casar com ele. Ops. 








Apaixonada por Você e Encantada por Você, A.C.Meyer
A série After Dark ama um casório. Vocês deveriam embarcar na delícia que é esta quadrilogia para descobrir como estes caminhos até o altar foram percorridos.




O vestido encantado, Karen Toller Whittenburg:
Um vestido valioso, uma vendedora atrapalhada em fuga, um noivo interceptado a caminho do casamento são apenas o início da confusão.







“Irmãos Biscoito”, Diana Palmer:
Os cabeçudos e teimosos irmãos Hart, de Jacobsville, são avessos a casamento, mas são inspirados cupidos um para o outro. Resultado: um a um, com ogrices, esperneando e muita sofrência, todos terminaram no altar.





Bacci!!!

Beta
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário