quarta-feira, agosto 31, 2016

Ciao!!!




A silenciosa e misteriosa Estrela chamou a minha atenção nos livros anteriores. Sabe como é leitora compulsiva escorpiana: dê-lhe um tiquinho de algo secreto e ela quer entender tudo.
E mais uma vez a autora acerta!

A irmã da sombra – Lucinda Riley – Arqueiro (As Sete Irmãs 3)
(The Shadow Sister - 2016)
Personangem: Astérope “Estrela” D’Aplièse

Estrela era parte de uma dupla com Ceci desde pequenas. Adotadas com poucos meses de diferença, tornaram-se inseparáveis. Ela deixava a irmã dominante se expressar e decidir por ela enquanto apenas observava o mundo em silêncio. Até que a morte de Pa Salt acrescentou muito à insatisfação que a consumia e, pela primeira vez, Estrela se viu tomando a dianteira e partindo atrás da história de quem ela era antes da adoção. E termina se envolvendo nos dramas e segredos de uma família na Inglaterra, o que pode afastá-la definitivamente de Ceci.

Comentários:

- Estrela D’Apliése deve ser a personagem mais difícil das Sete Irmãs. Porque sempre se escondeu à sombra da irmã que falava e agia pelas duas. Nos livros anteriores, Maia e Ally conversam sobre a preocupação do quanto este relacionamento com Ceci poderia prejudicar Estrela. Afinal, as duas temiam que ela nunca conseguisse manifestar não só a própria voz como os verdadeiros desejos diante do temperamento dominante de Ceci.

- No entanto, a morte de Pa Salt causou um grande baque e desencadeou no aumento da insatisfação de Estrela com os rumos que a vida dela tomou. O desejo da irmã de sossegar e viver em um apartamento em Londres a sufocou. E a possibilidade de descobrir sobre as próprias origens a partir de uma livraria na capital inglesa se tornou uma forma de escapar de sentimentos que ela não conseguia expressar para os outros e, em grande parte, até para si mesma. 
“O carvalho e o cipreste não crescem à sombra um do outro.”
- Por causa da carta e da estatueta de um gato, Estrela bateu à porta da livraria Arthur Morston e conheceu o dono, Orlando. Um homem apaixonado por livros raros, de raciocínio rápido e flutuante e que se expressava de forma empolada, como se tivese saído de um dos clássicos que tanto amava. Ela terminou contratada para trabalhar no local, sem conseguir a resposta de quem era Flora MacNichol e de que forma as duas estariam relacionadas.

- A partir do relacionamento dela com Mouse, Marguerite e Rory, os outros parentes de Orlando, ela consegue descobrir sobre a irmã da bisavó dos descendentes dos Forbes e dos Vaughans. No início do século 20, Flora morava no interior da Inglaterra, que ela amava de paixão, até que a viagem da irmã para a temporada – que ela não teve pela falta de recursos – permitiu o reencontro com Archie Vaughan, de quem ela guardava péssimas lembranças na infância. Mas a vida campestre de Flora vai mudar e tudo deixará de ser ela preferia e se sentia mais segura. A jovem se verá envolvida em um jogo do qual não saberá todas as informações e tomará decisões drásticas.

- À medida que consegue acesso aos diários de Flora, que conheceu importantes personagens da sociedade e história inglesa, como a escritora Beatrix Potter (se não conhece nada dela, veja este filme), Estrela acompanha uma história repleta de coragem e superação, de quem não se deixou desistir diante das muitas contrariedades, reviravoltas e surpresas – nem sempre boas – que a vida lhe reservou. E encontrou inspiração para descobrir a própria coragem interior e que nem sempre é necessário estardalhaço para demonstrá-la ou para praticá-la. Chegou a hora de Estrela sair da sombra de Ceci, algo que não será fácil para nenhuma delas, mas necessário.

- A história de Estrela tem um viés mais otimista que as anteriores, sem deixar de ser realista – ou seja, nada de milagres ou soluções fáceis (que raramente ocorrem na vida). E uma sensibilidade exacerbada de quem passou a vida observando e em silêncio, com uma suavidade que em nada diminui a sua força. Além disso, amei a “grande revelação final”, que obviamente não direi qual é. E segue minha dúvida “do bem”: das três histórias até agora, é impossível eleger uma favorita.

As Sete Irmãs
3 – The Shadow Sister - A irmã da sombra
4 – The Pearl Sister – autora ainda está pesquisando


Bacci!!!


Beta
Reações:

10 comentários :

  1. Olá!

    Cara, a Lucinda é maravilhosa!!!!!!!!!! Eu a conheci na Bienal e me apaixonei por ela. O que mata é que os livros são muito caros!!! Mas sua resenha ficou ótima, ainda quero ler tudo dela!

    ResponderExcluir
  2. Oiii!!

    Eu preciso taaaaanto ler algo da autora! Ela é maravilhosa! A obra parece ser muito boa e envolvente. Gostei da suas pontuações! Espero que seja lançada a continuação em breve.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Olá! Quero para ontem!! Amei a capa, linda demais! Gostei dessa premissa, fiquei curiosa para saber das origens dela, esse mistério me atiçou bastante, amei demais! Beijos!

    Entre Livros e Pergaminhos

    ResponderExcluir
  4. OOi!
    Logo que conheci os livros da autora não me interessei, mas depois de ver a opinião do pessoal, comecei a ler mais sobre ele e acabei gostando da premissa. Agora, queroooooo! kkkkkkk

    ResponderExcluir
  5. Olá, tenho acompanhado as resenhas desta série em vários blogs, e realmente essa história surpreende a cada irmã que conhecemos e cada enredo que é apresentado. Gostei desse por ser mais otimista e trazer uma irmã mais interessante.

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Nunca li nada da autora mas tenho visto tantas resenhas positivas sobre essa série que fiquei morrendo de curiosidade de conhecer essas irmãs. Cada livro parece ser melhor do que o anterior, com histórias únicas e comoventes. O único ponto que me desanima é a grande quantidade de livros que a série possui, já que será um livro para cada irmã.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Olá :D
    eu amoooo os livros da Lucinda Riley, e acabei de terminar o livro 1 da série. Estou ansiosa pelo terceiro, pq assim como vc fiquei muito curiosa sobre a relação dela com a Ceci (super dominante). Pela sua resenha vi que vou amar.

    Beijos,
    Anne
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  8. Cada vez que leio alguma resenha dos livros da Lucinda fico empolgada e curiosa em conhecer o trabalho da autora. Sua resenha me fez pensar que essa série seria a mais interessante de todas, embora o tamanho da série e o fato de ela ainda não estar nem na metade me deixa com um certo receio de começar a leitura...
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  9. Eu to apaixonada por essa série sabia?
    Quando ela foi publicada na NC, não tinha me chamado tanta a atenção, mas agora... que capa é essa meu DEUS!!!
    A história parece ser espetacular e bem no estilo que eu amo, por isso, esse livro ta na minha lista sem a menor dúvida.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  10. Já ouvi falar da série e tenho visto otimas resenhas, isso me interessou muito, mas infelizmente só posso tentar em adquirir ano que vem, ainda bem que falta poucos dias para isso (risos)

    Beijos

    Viviana

    ResponderExcluir