quinta-feira, dezembro 31, 2015






Como novo habitante, você precisa saber das regras. Uma vez por ano ela faz uma lista disso, chamada Piriguetagem Literária, e larga na minha mão pra divulgar.






(estranhando)
Piriguetagem Literária?




É um ranking desnecessário com critérios absolutamente ilógicos. A sorte dela é que eu sou muito legal e permito que ela goste de outras criaturas não tão geniais quanto eu.



(quieto)






Neste ano, aperfeiçoei o sistema. À medida que eu te mostrar, vai direto para o Literatura de Mulherzinha. Assim, poupo meu tempo porque preciso agir pela paz mundial.





Falou a mente que criou o Ultron...





(resmungando) Quando você fizer uma bobagem, farei questão de te lembrar todo dia! Friday, mostre os candidatos.
(surgem hologramas dos escolhidos).
Ela começou a lista com um Declan Quinn e Coronel Brandon. Não consigo entender por quê...



Homens honrados e protetores, que gostariam de ter um relacionamento que fosse além do trivial. Embora Coronel Brandon merecia alguém mais maduro e menos egocêntrica.



Que seja. Ela também citou Bernardo Venturini  e Josh Marshall. A ficha diz que ambos são loiros e ela não gosta de loiros...





A menos que seja o Brad Pitt. No caso, até poderia argumentar que ela idealizou os dois como a mesma pessoa. Tudo bem que a autora disse qual era a inspiração do Bernardo, mas a do Josh foi culpa do Saturday Night Live.




Do que você está falando?! 


Errou, sabichão. Ela prefere o irmão adotivo torturado pela inveja.





 



(contando até mil pra não a paciência)
Até que enfim algo que consigo entender. Ela citou alguém com sobrenome escocês, Aidan MacLerie e italiano, Dante Montini.



Considere que foram dois casos de personagens que não ganharam simpatia imediata por terem momentos de cretinos irritantes. Aliás, sobre o Dante, até tem um ps. “perdoado porque lidar com escorpiana surtada não é fácil pra ninguém”.



 (suspirando)

Eu que o diga. Os próximos da lista, empatados, se chamam Tom e Thomas

(pausa)
Precisa de explicação?




Não.






(Olham para a porta que tem o aviso “NÃO PERTURBE”)


Ela colocou na mesma posição Joshua Moore  e Rannulf Bedwyn. Essa obsessão com Inglaterra está atingindo níveis acima do aceitável. Em seguida, reuniu Merripen e Michael Stirling.
(outra pausa) Sam Smith ou Adele?

Perdão?

 

(expulsando Capscolé) Sai daqui que ela não vai com a sua cara!

Depois tem o Archer Hale. Ela me mandou ler este livro, mas nem sou Sagitário...





Talvez porque às vezes ela queira que você seja como o Archer.






(olhando a ficha do personagem)

Bonito, irresistível, romântico e protetor?





(também olhando a ficha do personagem)

Mudo. Você se meteria em menos confusão.








Quem você pensa que é? Mal chegou e já está na janelinha do personagem BFF?!







Sou observador. Eu entendi que ela gosta do que atiça a curiosidade. Por exemplo, Lorde Belzebu e Ambrose Young. Os dois fizeram companhia quando ela precisava chorar ou rir um pouco. Mas ela não vai te dizer isso porque sabe e respeita suas preocupações após criar o Ultron.



(#chatiado)
Vou ter que ouvir o resto da vida por ter criado o Ultron e pior que só fiz isso no filme porque Homem-Formiga veio depois...

Mas podia ser pior... Eu poderia ser o Jamie Fraser, que bateu na trave para ser o número #1.
 


O que ele fez?



(debochado)
Ah, a triste história de um amor condenado. Ele, lindo, escocês e ruivo. Ela completamente babando por ele. Mas foram separados por uma cruel autora prolixa. Se vão voltar a ter uma chance, o futuro dirá...



Então chegamos ao último nome.







Previsível.








Você achou?






Eu estava aqui nas Piriguetagens anteriores e reconheço padrões de raciocínio. Mesmo os ditados pela falta de lógica de uma leitora compulsiva. Pense: patinho feio, atrapalhado, inteligente, artista, desenhista, adora HQs e desenhos animados? Mais óbvio que gostar do Nathan Evans só ela se enfiar no cinema para ver qualquer filme do Tom Hiddleston.



(saindo do quarto “NÃO PERTURBE”):

Oi?










Pensei que ela não sobraria muito de você para a próxima ficção científica.








Fazer maratona Star Wars é ótimo. Terminamos agora. Os seis filmes.






Ah.
(pausa).

Ela falou muito sobre o sabre de luz do Ewan McGregor?






Ah, sim. Obi-Wan Kenobi, o sabre de luz mais rápido das Galáxias. Tive que ligar para ele e contar isso! Agora, vou pegar pipoca e refrigerante. Talvez chocolate. Para o próximo round. Com licença.





A triste vida do favorito...
(voltando a se concentrar no Visão)

Terminamos por hoje. Amanhã podemos passar para a sua próxima etapa na ambientação: esportes. E neste aspecto ela é muito mais inflexível que com livros... 




Ok. Vou aproveitar para descansar. Além do mais, ela quer falar com você.



(Beta sai do quarto e vai direto no Visão):

 


Critérios absolutamente ilógicos...
(para Tony) Faz sentido seu argumento.


(Beta o solta)
Vou deixá-los à vontade.
(sai) 





(pulando no Tony):

Obrigada, meu querido. Ei, bem que você podia me dar um Visão de presente! Você sabe que eu sempre quis um Jarvis...





(parou na porta)

Eu não sou o Jarvis...






*.* Mas fala como ele!!!! 



Realmente, muito ilógica...

(sai balançando a cabeça)





Humph.







Tsc... Tsc... Tsc... Você ainda não entendeu o mais óbvio dos padrões. (rabiscando um post-it) Obrigada por ser o mestre de cerimônia, como sempre, perfeito. (beijo estalado) Fala pro Tom que estou lá dentro esperando por ele.





(resmungando)

Playboy, gênio, filantropo, milionário... e garoto de recados...






(Minutos depois, barulho de passos)


Que mal pergunte, o que vocês vão ver?










(equilibra bandeja ao abrir a porta do quarto)
Como compensação por fazê-la ver um filme com fantasmas, ela me pediu uma première exclusiva de High Rise e que eu cantasse para ela. Não pude negar.






(De dentro do quarto)



TOOOOOOOM, SAIRAM FOTOS DO BENEDITO COMO DR.STRANGE!






Estou aqui, Darling. Com licença, Tony. Ei, o que é isso no seu peito?!








(Tony pega o post-it)

 


É, acho que posso dar um Jarvis para ela...






***

Post tradicionalmente surtado com tietagens obsessivas e descaradas por Robert Downey Jr/Toni Stark, Tom Hiddleston/o que ele estiver fazendo que, neste ano, tiveram a luxuosa participação do Visão (siiiiiim, quero mesmo um para mim) e o cameo do Benedito...

E só pra registrar, por mais um ano, não tem Amunzinho ainda permanece no modo Godot de Betinha – chupa essa manga, Harlequin.

Por fim, post inspirado na brincadeira proposta pela Nanda do Viagem Literária. Confira as listas de 2011, 2012, 2013 e 2014. E veja também as listas dos melhores livros de livraria e de banca, além das heroínas que lacraram em 2015!

E um 2016 abençoado para todo mundo - 

 (LdM11 vem aí)!!!

Beta
Reações:

Um comentário :

  1. Tem jeito de eu tornar-me aquela gatinha peludinha sobre Chris Hemsworth naquela cama convidativa perto daqueles braços todos ???!!! Por uma hora apenas ???!!! Oh, querida, pobrezinhos de Capitão América e Chris Evans !!! Tenha dó um pouquinho, ora !!! E como Tom Hiddleston tem carisma britânico charmoso, cáspita !!! Postagem ótima !!!

    ResponderExcluir