sábado, outubro 03, 2015

Ciao!!!


Aquele momento em que você tem uma crise de risos quase sem fim ao ler o resumo.
Motivo: piti de cérebro de fangirl.
Não entendeu? Continua lendo!

Arrepio – Leslie Kelly – Flor da Pele 27
(Asking for trouble – 2006 – Harlequin Blaze)
Personagens: Lottie Santoni e Simon Lebeaux

Lottie estava responsável por pesquisar sobre a história de um suposto serial killer que viveu na Casa Seaton, em um local afastado na pequena cidade de Trouble. Era a chance perfeita de sair de debaixo da influência da família italiana, grande e superprotetora. Só não esperava chegar debaixo de uma tempestade e ser mal recebida pelo novo homem moreno, charmoso e misterioso proprietário do local. Simon Lebeaux queria sossego após ser vítima de uma tentativa de golpe que terminou de forma traumática. Por isso se refugiou na propriedade que herdou do tio. No entanto, havia algo muito esquisito no local e ele não sabia de que forma uma hóspede linda, atraente, sexy e indesejada poderia ajudar a resolver a situação.

Comentários:

- Moça inteligente. Homem moreno e misterioso. Casa com fama de mal assombrada.
Crimson Peak, é você?


Óbvio que é uma brincadeira. Estou longe, tão longe, muito distante de ser especialista em romance gótico, mas digamos que estes personagens e cenários formam o estereótipo que associamos ao estilo. A autora contou que gostava de ler este estilo e ficou feliz em ter a chance de criar a sua própria história de romance gótico, com tempero de cenas quentes e picantes. Afinal de contas, é um livro do selo Flor da Pele, né?  

- No caso, a moça inteligente é Lottie Santori. A única garota em uma família italiana, superprotegida e cerceada por cinco irmãos intimidadores. A faculdade a libertou um pouco do controle deles. Agora, como pesquisadora (função que usava para pagar o Mestrado em Jornalismo), ela precisou viajar para pesquisar informações na Casa Seaton, um local marcado pela história de um serial killer chamado Josef Zangara, julgado e morto pelo assassinato de 15 mulheres. A casa ficava em um local afastado em uma cidade chamada Trouble (Problema, Encrenca, como preferir).

- Só que ao chegar no local foi surpreendida por vários imprevistos. O primeiro: a Casa Seaton não era mais um hotel. O segundo: Roger Denton, o proprietário que combinou tudo com o professor de Lottie, morreu. O terceiro: o sobrinho dele, o lindo, moreno, aparentemente amargurado Simon Lebeaux. Que não sabia de nada acordado para a permanência dela no ex-hotel e agora casa particular. E que não queria hóspede nenhuma. Ele ainda carregava as cicatrizes e o trauma de ter sobrevivido a um assalto que terminou de forma trágica e estava cismado com algumas coisas estranhas que ocorriam na casa. Ele não precisava de uma testemunha de que ele talvez estivesse ficando louco. Muito menos uma garota tão linda e sexy como aquela que a tempestade levou à porta da Casa Seaton.

- Este é o ponto de partida da trama. Algumas coisas estranhas, inexplicáveis e (talvez) acidentais ocorrem ao ponto de deixá-lo cismado e deixá-la curiosa e assustada. Afinal de contas, o visual e o histórico da casa não ajudam a amenizar as sensações né? Justamente para aumentar estas sensações, a narrativa da história é em 1ª pessoa e nós acompanhamos o ponto de vista de Simon e o de Lottie sobre as cismas com a Casa Seaton e como avaliavam a relação e a reação que um despertava no outro.

- Casa assustadora e “mal-assombrada” à parte, o que eu gostei é que Lottie é uma garota que sabe o que quer. Ela percebeu que estava atraída por Simon e foi atrás de conseguir isso. Como ela mesma disse, anos de repressão por cinco irmãos de família italiana, renderam a ela a determinação de partir para a luta. Ela é inteligente, articulada, sensata, intensa, apaixonada, sem vergonha – no que está certíssima – de um corpo abençoado herdado das origens italianas. Ela decide que ele precisa ser ajudado e vai resolver isso. Ah, ele está um pouco resistente? Ok. Ele vai agradecer no final.

- Simon é o herói torturado e sexy do livro. Foram dois traumas recentes, o assalto trágico e a morte do tio. Herdar a Casa Seaton foi uma luz no fim do túnel para ele se afastar de todo mundo para se recuperar física e psicologicamente. Só que havia algo naquela casa que o lado racional dele não conseguia explicar. A presença de Lottie serviu para aumentar a confusão porque revelou um pedaço do passado da história do local que ele não sabia. E ainda, de bônus, mostrou que, mesmo traumatizado e desconfiado, ele não tinha perdido a capacidade de se interessar por uma mulher bonita como Lottie.

- Tem humor, tem sustos, tem suspense, tem pegada, tem personagens sexies. E tem garota inteligente fazendo a diferença. Bom demais. Adorei.

Ah, sim, este livro faz parte de DUAS séries. A primeira, óbvio, é a relacionada à família de Lottie: série Santori Stories (ordem pelo Goodreads):

1 – Sheer Delights (publicado na coletânea Behind the red doors) - Meg O'Roarke e Joe Santoni
2 – There Goes the Groom (publicado na coletânea That’s amore) - Rachel Grant e Luke Santori 
3 – Don’t open till Christmas - Noelle Bradenton e Mark Santoni
4 – Asking for trouble – Arrepio - Lottie Santoni e Simon Lebeaux
5 – Overexposed – Provocante - Izzie Natale e Nick Santoni
5.5 - One wild wedding night - trama sobre as damas de honra da Izzie

A segunda é relacionada à cidade onde fica a Casa Seaton: Town of Trouble Series

Town of Trouble series: 

1 - Here Comes Trouble - Sabrina Cavanaugh e Max Taylor

2 - Asking For Trouble - Lottie Santoni e Simon Lebeaux

3 - She's No Angel - Jennifer Feeney e Mike


Bacci!!!

Beta 

Reações:

Um comentário :

  1. Uh-uh-uh !!! Uma casa com fama de ser mal-assombrada com um proprietário lindo e moreno e sexy de brinde para uma italiana segura de si, que foi refreada e reprimida por cinco irmãos cerceadores e superprotetores, talvez até ciumentos além de quota normal, por anos a fio, como cenário e personagens para este romance ? MAS C-L-A-R-O que eu preciso desse romance em minhas mãos sem sombra de dúvida !!!

    ResponderExcluir