domingo, julho 19, 2015

Ciao!!!



Nada como um romance histórico, século 19 na Inglaterra... Com herói e heroína marcados por escândalos. E uma jovem mimada disposta a tudo para conseguir o que quer.
Sinceramente, não tenho do reclamar...

Um amor escandaloso – Patricia Cabot – Record
(A little scandal - 2000)
Personagens: Kate Mayhew e Burke Trahern, marquês de Wingate

O marquês de Wingate tinha um problema: a filha adolescente que estava incontrolavelmente apaixonada por um pretendente inapropriado e completamente fora de controle de qualquer dama de companhia. Por isso, ele contratou a mulher que teve coragem de enfrentá-lo armada de um guarda-chuva. Mas Kate Mayhew não tinha nenhum interesse no cargo até ele fazer uma proposta irrecusável. Ela não tinha o menor interesse em voltar à alta sociedade e não queria se expor porque não se sentia segura. E sabia que, assim como antes, ninguém acreditaria nela.

Comentários:

- Uma coisa é óbvia desde o início, Kate e Burke tem em comum o fato de serem párias sociais. A autora opta em expor primeiro as razões do escândalo que o envolvem, como uma forma de a gente se aproximar do homem com beleza de cigano, temperamento explosivo e sofrendo as agruras de uma filha mimada e impulsiva, Isabel, que estava perdidamente apaixonada por um jovem mais interessado em jogar que em fazer algo produtivo da vida.

- Se a Senhorita Mayhew era a solução, Burke tratou de consegui-la fazendo uma oferta irrecusável, com a qual poderia resolver muitos problemas financeiros. O primeiro ímpeto foi recusar, mas acabou convencida a aceitar, pelo bem de outra pessoa. E apesar dos riscos que isso envolvia. Ao longo do livro, recebemos informações sobre o escândalo que afetou a família de Kate e a deixou na atual situação. Ela não tinha o menor interesse em retornar aos salões da sociedade e sabia que teria que lidar com isso pelo bem de Isabel.

- Claro que Burke, sem perceber, vai se apaixonar por Kate. E é muito divertido (para nós, não para ele, coitado) a forma como ele age certo de que não demonstra (aham). Além disso, ela o ajuda a lidar com os caprichos da filha, que sinceramente merecia um choque de gestão intenso. Há limites para paciência com criaturas assim (e digamos que, nesta semana, o meu está baixo). Ainda bem que, para compensar Isabel a sem-noção, há Kate – que já sofrida e calejada pela vida, consegue enxergar as armadilhas na alta sociedade. Até mesmo a pior de todas, sobre a qual ela avisou todos, mas ninguém acreditou nela. O que contribui para colocá-la – e outras pessoas – em risco.

- A atração entre os dois não começa da noite pro dia, a gente acompanha todo o desenvolvimento e a consequência dos sentimentos entre eles. O que mais gostei foi perceber como eles foram coerentes com si mesmos ao longo. Ninguém passou por milagre nenhum. Burke teve o coração partido e julgava nem ter sentimentos. Kate perdeu a confiança nas pessoas. Um é o ideal para o outro (eles compartilham até o gosto por leitura. As metáforas literárias com as quais Kate convence Burke a mudar de estratégia com a filha são ótimas). Claro que arestas precisarão ser aparadas e alguns rumos corrigidos, mas a trama é divertida, flui, encadeando bem as situações e até mesmo algumas inversões de expectativas (confesso que fui totalmente #TeamBurke na parte II. Ela fez bem em tirá-lo do prumo). Você torce para que eles sejam felizes e mandem a sociedade hipócrita inglesa catar coquinho do alto de suas vidas ricas, frustradas e vazias.

Bacci!!!

Beta
Reações:

2 comentários :

  1. Sou apaixonada pela escrita da Patricia/Meg Cabot desde o Diário da Princesa, e acho que com os romances de época ela se supera, pois eles são muuuito divertidos. Já coloquei esse na lista de leituras desejadas. ;)

    ResponderExcluir
  2. Ah, eu estou caçando esse romance pelas livrarias para torná-lo parte de minha mini-biblioteca certamente. Eu fiquei muito encantada pela temática de seu enredo, embora esse século não seja meu século preferido exatamente por conta dessa coletânea inútil de regras inglesas de etiqueta social. Eu fiquei encantada por Burke e Kate em um amor à primeira vista, querendo muito saber sobre suas vidinhas lindas !

    ResponderExcluir