domingo, março 08, 2015

Ciao!!!



Depois dos detetives da Lori Foster, lá vem a Heidi Rice querendo dar a contribuição dela para a nossa apreciação da categoria.
E acho que nós devemos aceitar esta sugestão porque ela é bem interessante...

*A outra trama deste livro é Quadro Infiel, da Julia James*

À prova de fogo – Heidi Rice – Harlequin Jessica 2 Histórias 227 (Testes de Paixão)
(Too close for comfort – 2013 – Mills & Boon Modern Romance)
Personagens: Iona MacCabe e Zane Montoya

Quase que a vigilância de Zane tinha sido em vão, quando uma mulher invadiu o apartamento do homem que ele estava monitorando para prender em flagrante. Ele teve que agir pra tirá-la de lá e mantê-la em segurança até entender o que ela queria. Iona achou que teria sucesso em recuperar o que tinham roubado dela e agora estava contrariada sob a tutela de um investigador particular tão lindo quanto durão. Estava na cara que isso não tinha chance de dar muito certo...

Comentários:

- Iona tinha saído de uma cidade do interior da Escócia disposta a recuperar o dinheiro que ela se sentia culpada pelo pai ter perdido para um golpista. Quando o encontrou, foi arrancada do quarto do cretino por um homem alto, lindo, com “olhos mais azuis que os do ator Daniel Craig” (pausa pra Suzana voltar a atenção para o meu texto kkk) que a retirou de lá para mantê-la sob “custódia”. Apesar da indignação inicial com as atitudes do “Detetive Sexy”, Iona percebeu que não encontraria o dinheiro de volta, mas poderia ao menos recuperar a autoestima.

- Zane ficou desconcertado pela beleza, pelo temperamento e pelo interesse que sentiu pela escocesa vítima do golpista que estava prestes a entregar para a justiça. Ela o tirava do sério. Por isso, com o caso encerrado, ele decidiu abrigá-la por mais algum tempo, primeiro na casa de um amigo e depois na própria casa. Zane é do tipo misterioso, agressivo com os vilões e um lorde com as mulheres. Iona está com o orgulho ferido em diferentes níveis para demorar a entender o verdadeiro caráter do detetive. Em alguns momentos, isso irrita, em outros diverte muito (como na cena que ela reclama que ele sente apenas “piedade” por ela para ser confrontada com uma evidência física de que “piedade” havia mudado de nome – apenas no caso deles).

- À medida que convivem, Iona vai tentando desvendar o mistério sobre o detetive. Afinal de contas, ele a ajudou a recuperar a autoestima (vocês podem imaginar como – e morrer de inveja, só para avisar). O problema é que, quando estava sob os holofotes, Zane se fechava mais que uma ostra. E quanto mais Iona descobria, menos sentido fazia. (ah, sim, outra coisa irritante: ela SEMPRE pensa o pior dele antes de saber o que realmente está acontecendo. Pode parecer incrível para quem lê, mas há o resquício de uma comparação sem pé nem cabeça com o golpista que a magoou e roubou).

- E é assim, aos troncos, barrancos e regras sendo convenientemente ignoradas que Zane recupera a autoestima da Iona e ela o ajuda a lidar com um trauma que o mantém afastado de amigos e familiares. Vale muito pela redenção do detetive sexy, que é muito mais que isso e carregava um sofrimento que não precisava. Tem diversão, protagonista durão, gostoso e misterioso e heroína teimosa e intempestiva, que não perceberam o quanto um se tornaria importante na vida do outro.

- A tradução desta trama pecou em alguns pontos: Zane conta a Iona que tem um cachorro chamado CD. E ela fala “Disco Compacto” (Oi?) e mais à frente há um comentário sobre “o vinhedo de Martha” sendo que até eu percebi que se falava de Martha’s Vineyard.

- Ah claro, tinha que ser parte de série, né? A parte boa é que este livro é o último e que outros três já foram lançados. A parte ruim é que falta um (pelas minhas pesquisas, não achei o livro #3) e eu preciso ler outros dois!


1 – Surf, sea and a sexy stranger – Corações Abertos - Maddy Westmore e Ryan King (também faz parte do duo One Hot Fling)
2 – Cupcakes and killer heels - Saltos de Arrasar - Ruby Delisantro e Callum Westmore (também faz parte do duo Homens Indomados)
3 – The good, the bad and the wild - não encontrei em Português - Nick Delisantro e Eve Redmond
4 – One night, so pregnant! – Um beijo, um toque, uma vida - Tess Tremayne e Nathaniel Greystone
5 – Too close for comfort – À prova de fogo – Iona MacCabe e Zane Montoya


Bacci!!!

Beta
Reações:

Um comentário :

  1. Ah, eu compreendo muitíssimo bem esse sentimento de tentar recuperar o que foi-lhe roubado de forma muito vil ! Eu fiquei muito interessada também em saber o que ela tanto recriminava nesse detetive a ponto de compará-lo com aquele golpista e que houve com ele de tão traumático a ponto de afastar-se de amigos e familiares se ele não tinha culpa quanto ao fato estimulador de seu trauma. Um romance a acalentar.

    ResponderExcluir