domingo, janeiro 25, 2015

Ciao!!!



Mais uma vez, volto a acompanhar a rotina dos MacLerie. Este Clã enorme, tumultuado, onde os pais estão repletos de planos para o futuro dos filhos que não vão correr bem como eles esperam. Uma família unida que adora uma confusão quando tem possibilidade de amor no meio...

Submissa ao Guerreiro – Terri Brisbin - Harlequin Históricos 147 (O Clã MacLerie)
(Yield to the Highlander – 2014 – Harlequin Historicals)
Personagens: Catriona MacKenzie e Aidan MacLerie

Aidan viu Catriona no vilarejo e a desejou. Imediatamente. E sendo filho do lorde e muito bonito, ninguém o recusava. Só que ela era casada com um dos guerreiros mais importantes do pai dele. Aidan conseguiu enviar o marido para longe para ter a chance de seduzi-la. No entanto, os planos não correm como ele imagina e, pior, escapam ao controle deixando Catriona mal falada no vilerejo e exposta à punição pela mera insinuação de ser uma adúltera. Aidan até poderia conseguir o que queria, mas o preço que seria exigido de ambos não prometia ser fácil de pagar...

Comentários:

- Rapaz acostumado a ter tudo, por ser o filho do lorde e a ter todas as mulheres, porque é o homem mais lindo que todas elas viram, esbarra em um desejo complicado. Aidan viu Catriona perto do poço do vilarejo e decidiu que a tornaria amante dele. O fato de ela ser casada não o conteve. Aproveitando-se de um acaso, enviou o marido para longe e começou a cercá-la. Apesar de Catriona também se sentir confusa a respeito dele, sabia que tinha um voto para cumprir. No entanto, um beijo roubado se tornou um boato que a condenou ao ostracismo na comunidade, aguardando apenas o retorno do marido para a devida reparação moral...

- O problema é que o marido, um guerreiro querido por todos, morre no caminho de volta e Catriona fica à mercê da fúria da comunidade. Para protegê-la, Aidan a assume publicamente como amante, cabendo a ela decidir se quer se envolver com ele ou não. E se você está achando complicado, saiba que esta não é nem a metade da história e que tem muito para acontecer, que escapa ao controle do casal protagonista.

- Temos duas jornadas distintas. Aidan vai amadurecer. E não será fácil. Acostumado a ter o mundo girando em torno dos seus desejos, ficará surpreso com as consequências e os desdobramentos de tentar ter um caso com a camponesa casada. Será exigido muito do futuro líder dos MacLerie e talvez seja mais do que ele possa aguentar. Catriona está exposta ao fardo de ser mulher e camponesa, ciente do lugar de que nunca será digna de se casar com o futuro lorde, ainda mais ele sendo cinco anos mais novo que ela. Para quem passou por uma vida de decepções e abandonos, será que valeria a pena o preço que teria que pagar? Terri Brisbin costura a trama com desejo que se torna amor, aponta o papel das mulheres na sociedade e o peso de um boato em uma reputação (e não pense que isso é exclusividade da Escócia Medieval...) e consegue guardar uns coelhos na cartola que sacodem as convicções dos personagens e de quem lê. É uma delícia de ler todas as aventuras dos MacLeries – especialmente quando eles encontram o que não esperavam e compram a briga. Não importa contra quem.

- E nem preciso falar nada sobre a capa, né? Todas concordamos que é linda.

O livro ainda tem o conto presente Guerreiro domado, que fala sobre o relacionamento de Connor, o líder dos MacLeries e Jocelyn, a esposa dele. O Selvagem das Terras Altas está intrigado com alguém que tenta mexer no cofre onde documentos importantes estão guardados. E ele nem pode imaginar quem é e muito menos o motivo...

Um texto pequeno que oferece mais informações sobre os pais de Aidan, desde o quanto apaixonada é a relação deles até o quanto há de verdade no fato de que, por trás de um grande homem, há uma grande mulher. E ainda temos demonstrações de porque as esposas se uniram para dar pitacos nos planos casamenteiros dos maridos, ainda mais quando envolvia o futuro dos filhos...

O Clã MacLerie (lista copiada do Mulheres Românticas)

1 - Taming the Highlander – Paixão indomável – Harlequin Romances Históricos 46
2 - Surrender to the Highlander - Entre a honra e o desejo – Harlequin Romances Históricos 52
3 - Possessed by the Highlander – Possuída por desejo – Harlequin Históricos 72
4 - The Earl's Secret – O segredo do conde – Harlequin Históricos 68
4.5 - One Candlelit Christmas
5 - The Highlander's Stolen Touch - Amor Proibido - Harlequin Históricos 130
6 - At the Highlander's Mercy - Amor RenegadoHarlequin Históricos 134
7 - The Highlander's Dangerous Temptation – Tentação Perigosa Harlequin Históricos 144
8 – Yield to the Highlander – Submissa ao Guerreiro – Harlequin Históricos 147

E ainda não tive tempo de ler a a trilogia dos pais. Sim, está entre as minhas metas para colocar logo em dia. #Oremos!


Bacci!!!


Beta
Reações:

4 comentários :

  1. Menina, adorei a resenha! Levei anos (que exagero) pra conseguir juntar todos os livros dessa série e pretendo começar a ler esse ano, espero curtir tanto quando você =)
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito dessa história, estou em uma fase bem Romance Histórico - Medieval.
    E foi isso mesmo que eu li? Série publicada na ordem e completa?! Isso é um milagre vindo da Harlequin. hahahaha

    Vou começar minha saga em busca dos exemplares.
    Adorei a resenha Beta :*

    ResponderExcluir
  3. Oi, Beta. Achei seu blog porque estava pesquisando sobre o livro A Ira dos Anjos e caí aqui. Li todo aquele post e concordei com cada palavra. Aproveitei e dei uma boa olhada no blog e resolvi comentar. Menina, suas resenhas são ótimas! Nos deixa com aquela vontade de ir correndo comprar o livro rsrs. Essa série eu não conheço, mas fiquei muito curiosa e parece mesmo muito legal.

    Olha, eu trabalho personalizando layouts do blogger. Caso queira conhecer alguns de meus trabalhos, meu portfólio é www.jalayouts.com e meu email para orçamento é jalayouts@hotmail.com.

    Bjoss
    Jesielle Alves

    ResponderExcluir
  4. Ora, eu tenho essa série quase completa - mas eu não sabia que era uma série - bastando encontrar um exemplar para finalizá-la e então começar a lê-la. Mas eu tenho impressão de que não terei sentimentos bons pelo herói desse romance, que foi envolver-se com mulher casada, cujo esposo pareceu-me ser um homem muito bom, até mesmo melhor que esse herói sem respeito pelo casamento alheio !!!

    ResponderExcluir