terça-feira, dezembro 09, 2014

Ciao!!!


O pessoal da Harlequin Brasil desafiou os parceiros a fazerem uma retrospectiva. Pediram que a gente elencasse nossos 10 livros favoritos lançados neste ano.

Claro que não consegui fechar só em 10. Óbvio!

Então, vamos entrar no túnel do tempo e lembrar o que houve?!?!?

2014 começou atingindo o ponto fraco: sotaque britânico – no caso de um irlandês sedutor – é maldade. Sean Murphy é o moço que reúne estas características vira a cabeça de Annie Davis e atiça as leitoras em Tensão, de Leslie Kelly. 


Teve também volta de filhos pródigos e muito desejados: Nora Roberts voltou repaginada nas séries O’Hurley (meu preferido é Chantal) e Noturna (até que enfim mudaram as capas que “não favoreciam” – pra eu ser gentil – do segundo relançamento).



Ah, os históricos. No início do ano, fomos surpreendidas pela redução para apenas um lançamento mensal. O fã-clube dos Históricos ficou #MUITOCHATEADO. Para compensar, capas umas mais lindas que a outra e, abençoadamente, conteúdo digno de nota. Para citar – de memória – alguns que mais gostei: Lições de Sedução (mulher tentando se impor em mundo masculino); Joia proibida da Índia (ligação pessoal com o tema indiana “mestiça” e inglês se apaixonam) e mais dois da série enorme da Terri BrisbinTentação Perigosa e Amor Renegado.

 

 O selo Flor da Pele finalmente achou seu ritmo e livros como Faça o meu jogo, Revanche e Minha Dupla Vida. Histórias onde o aspecto sexual não é descartado, mas também não fica se apoiando em trama bolinha de sabão, que estoura a qualquer momento.


Os dois xodós do ano vem de duas autoras “da velha guarda”. Uma, que eu preciso criar vergonha na cara e ler mais dela: Maya Banks pegou o estereótipo relacionado aos gregos e fez uma festa particular na inspirada, inteligente e divertida série Irmãos Anetakis – que tem, na minha opinião, Rebeldia como destaque.

E como sempre hours-concours (para bem e para o mal), com aquela incrível habilidade de escrever histórias que odiamos amar, amamos odiar e amamos amar (dependendo do ogro e da parva da vez), Diana Palmer arrebentou a boca do balão com Corações Ousados. Finalmente o ogro vai fazer ogrices com quem merece!!!

Claro que esta é uma lista, feita no impulso do momento e com base em uma memória um tanto quanto surtada nesta época do ano. Devo destacar que Susan Mallery acertou a mão com a trilogia das irmãs Nelson, rever Natalie Anderson e ter Lori Foster são bênçãos que sempre me fazem feliz.

Torço para que a gente continue encontrando essas autoras e descobrindo novas, independente de estilos, caracterizações, cenários em 2015. Afinal de contas, ler é praticamente meu estilo de vida. E se você passou por aqui em algum momento ou com muita frequência, deve ser o seu também. Muito obrigada!!!

Bacci!!!

Beta

ps.: E claro que esta retrô não anula a tradicional retrospectiva de Banca (nesta vou considerar todos os livros que li este ano independente da data de lançamento). Podem ficar tranquilos que ela vai aparecer, junto com a retrô de Livraria e a esperada, desejada e ensandecida lista do Top Piriguetagem Literária. Todos vão aparecer aqui na saideira de 2014. Anotem na agenda e não percam!!!
Reações:

2 comentários :

  1. Menina, esse Tensão é bom demaaaais!!! Titia Palmeirão nem se fala, né?! Tb entrou na minha lista. Os outros, tenho muita vontade de ler. Um dia ainda consigo!!!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
  2. Ah, eis uma lista com vários exemplares sob meu poder, todos em linha para ler, muito bem comprados, depois de muito bem escolhidos, que serão minha atividade principal de lazer neste ano seguinte. Eu esperarei pelas suas listas todas para poder colocar minhas opiniões depois de muitas risadas, torcendo para você poder falar à vontade (com muito spoiler) sobre Amun em breve, muito breve, muito breve mesmo.

    ResponderExcluir