sábado, março 02, 2013


Ciao!!!




É parte de uma dupla de histórias e eu quase li fora de ordem. Normal. A sorte foi que me lembrei que tinha colocado esse aqui na pilha de #madrehooligan (de onde retirei sem ela ver). Assim tive a chance de espumar com protagonistas sicilianos na ordem certa.

Regra de Família – Sarah Morgan – Harlequin Paixão 289 (Dominadores)
(Once a Ferrara Wife – 2012 – Mills & Boon Modern Romance)
Personagens: Laurel e Cristiano Ferrara

Laurel só voltou à Sicília para cumprir a promessa de ser madrinha do casamento da amiga e ex-cunhada Dani. Só não contava que o temperamento romântico e otimista da amiga a forçasse a conviver com o ex-marido, Cristiano, mais que o necessário. Ainda mais porque ele a acusava de ter desistido do casamento, quando uma verdadeira esposa não faria isso. E ela tinha certeza de que não poderia continuar ao lado de um homem que não a ajudou quando precisou. Pelo bem do sucesso do evento, eles teriam que permanecer próximos e Cristiano não daria sossego até colocar tudo em pratos limpos.

Comentários:

- O livro é uma DR de um casamento que terminou de forma mal resolvida. Aos poucos somos apresentados aos motivos que fizeram Laurel partir: perdeu o filho que estava esperando e reclamou que o marido não confiou na suspeita dela de que algo estava errado. Só isso já me fez sentar de mala e cuia ao lado dela. E a situação de Cristiano só piora com quem lê, porque a primeira imagem dele é de um homem arrogante que não admite erros e insiste em acusá-la pelo fracasso, palavra que ele não admite. Sério, passei bom trecho do livro querendo que um ser surgisse e batasse nele muito, mas muito mesmo (mode escorpiano violento on).

- Só que o livro vai mais fundo, apresentando aos poucos mais detalhes – muito complexos – das personalidades de Laurel e de Cristiano. Ela tinha sérios motivos para não confiar em ninguém e na única vez em que precisou, se decepcionou. Ele achou que estaria tudo resolvido, afinal sempre demonstrou amor, com entrega de presentes valiosos, mas que não representavam nada para ela. Afinal de contas, Laurel tinha sido a única mulher que não se atirou aos pés dele, se tornando um desafio, que ele considerou ganho com o casamento. Ou seja, as expectativas de ambos não convergiam e a perda do bebê potencializou a crise. O retorno para o casamento de Dani serviu para mostrar que as feridas estavam muito abertas e não seriam resolvidas com acusações baseadas em informações insuficientes.

- Sarah Morgan adora este tipo de história e posso garantir que haverá motivos para você esquecer que quer esganar Cristiano e torcer para que ele consiga reconquistar a esposa. E também para que Laurel consiga finalmente encontrar uma felicidade que nunca teve. Gostei muito do livro. E não se preocupem: já foi devolvido à pilha de #madrehooligan!

Série Dueto Ferrara
Once a Ferrara wife – Laurel e Cristiano Ferrara - Regra de Família – Paixão 289
The Forbidden Ferrara – Fia e Santino Ferrara - Duelo de Corações – Paixão 307


Bacci!!!

Beta
Reações:

3 comentários :

  1. Aiiiii, tô doida pra ler esse livro. Tentei comprar no site da Harlequin, mas estava esgotado... ='(

    Mas um dia eu consigo!!!

    ResponderExcluir
  2. Tinha de ser um esposo siciliano com ganas de vingança de novo ?! Ih, sicilianos conseguem ser piores que gregos em suas turrices !!! Deuses ... ¬¬ Ler !!!

    ResponderExcluir
  3. É uma boa leitura, meninas!

    O segundo é que eu achei muito surreal...

    Mas isso é prá comentar depois! kkkk

    Bjs!

    ResponderExcluir