domingo, agosto 12, 2012

Ciao!!!





Capa do segundo re-relançamento Forever Buckhorncom as histórias de Gabe e Jordan (daqui a pouco, falaremos mais sobre isso, ok?).
*Me perdoem por colocar as fotos grandes. Achei que seria relevante, diante do tema do texto kkk*

Este livro foi a grande estrela do chilique, digo, post sobre os lançamentos de abril da Harlequin. Afinal de contas, vivo um caso de amor esta série. E claro que o personagem que estou de olho compridérrimo desde o início tinha que ser uma das últimas histórias... E para quem viu a disputa anunciada no fim do post do lançamento, conto o resultado: desta vez, fui mais rápida que #madrehooligan! Ela conseguiu ler o Gabe antes de mim, mas consegui catar, esconder e ler o Jordan antes dela kkk E não fiquem com pena. Ela catou 11 livros (todos séries completas) que eu ainda não li e colocou na pilha dela, tá?

Os irmãos Buckhorn: Jordan – Lori Foster – Rainhas do Romances 64
(Jordan – 2000 – Harlequin Temptation)
Personagens: Jordan Sommerville e Georgia Barnes

Jordan tinha sido o representante da família para procurar um estabelecimento às margens de Buckhorn que estava causando confusão na região. Ao chegar no bar, ele se esqueceu da missão ao ver um linda e sexy mulher dançando no palco. A partir daí, a vida dele virou uma confusão só. E detalhe: como já sabia como este filme acabaria, Jordan foi atrás de quem queria. Georgia não tinha motivos para confiar em ninguém, e em especial nos homens. No entanto, o homem que bagunçara sua vida estava, teimosamente, disposto a ficar para arrumar tudo. Bastava ela dizer sim...

Comentários:

- AI, PARA!  Não dá! Este livro causou tantas imagens mentais que não sei como não tive um curto circuito. Ou chamei o SAMU. Ou o psiquiatra. Ou sei lá quem.

- Desde o primeiro livro, cantei a pedra de que, entre os irmãos, Jordan seria o meu favorito. Volta e meia disse o que acho dos quietinhos – e Jordan é, ao longo da série, mostrado como o mais calmo (mas perto do Morgan, qualquer um é manso) e o mais pacifista. Exceto quando vê maus tratos a animais. Também é mostrado como ele, mesmo sendo tudo isso, aproveita para perturbar os irmãos durante o duro processo de “Ok, encontrei a mulher que quero pra mim” (e digamos que ele contribuiu muito para irritar Gabe). Agora, sendo o último solteiro, nem preciso dizer que ele se torna a diversão da família.

- Nada é mais divertido que um quietinho descompensado. Sério. Jordan fora do prumo é diversão na certa. Até Casey, o guri que não fugiu ao DNA da família, se diverte com isso. Primeiro, porque ele, que sempre teve padrões elevados para si (trauma familiar bem explicado neste livro), resolve se apaixonar por uma (a primeira vista) mulher que não os cumpriria. Afinal de contas, uma dançarina de bar não pode ser alguém digna, né? Ops, olha o preconceito. Georgia se desdobra em uma jornada sem pausa para descanso para conseguir sustentar e cuidar da família. Ela nem poderia prever de que forma a vida dela mudaria após o encontro no bar. E a partir daí, viraria uma montanha russa, entremeando sustos e altas emoções e vindo ajuda de onde ela menos esperava, o homem que condenava o trabalho dela.

- E durante essa jornada, temos 1,90m, olhos verdes e cabelos castanhos de Jordan na chuva, Jordan ajudando a socorrer uma pessoa doente, Jordan cuidando de crianças assustadas, Jordan fazendo café, Jordan fazendo massagem no pé (ei, os meus também andam muito tensos, tá?), Jordan fazendo panquecas, Jordan descalço, Jordan sem camisa, Jordan envergonhado, Jordan deliciosamente confuso, Jordan abrindo o coração para a mãe e Jordan tomando iniciativas de causar muita inveja alheia – creia-me MUITA INVEJA ALHEIA MESMO. E lá pelas tantas, se a doida da Georgia insistisse em “não quero/preciso de ajuda” eu ia entrar no livro, nem que seja via Nárnia, e roubar o Jordan pra mim. Simples assim.

- E ainda temos as cenas da família, a interação entre os irmãos, as esposas e o sobrinho-gato serve para despertar nossas lembranças afetivas dos livros anteriores, atualizar como todos os casais estão agora, dar pistas do livro do guri (que foi lançado este mês com uma capa que só não causa infarto fulminante porque foram colocadas letras em pontos estratégicos). E claro, todos pretendem participar do processo de “laçamento do Jordan” XD O fato de ele dispensar a ajuda é desconsiderado, claro. O que rende cenas hilárias (posso dizer que dei muitas gargalhadas). Senti falta do Jordan veterinário (sim, depois daquele monte de imagem mental que citei ainda queria mais uma: Jordan com gatinho. Aí provavelmente, este seria um post psicografado), mas como ele sempre apareceu cuidando dos fracos e indefesos, no livro ganhou uma família para proteger e cuidar. Enfim, o que eu mais gostei na série foi que cada livro ficou realmente com a personalidade do protagonista. Há quem prefira o Sawyer, o fã-clube do Morgan é gigante, e o Gabe também arrebatou muitos corações. Mas para mim, Jordan é perfeito. Eu queria um assim. Quem achar, me manda, por favor?

- E vamos abrir espaço pra uma coisinha: o que é o Casey, minha gente? Como dizem os tios, ele é o Gabe piorado (ou melhorado, dependendo do ponto de vista). Nem criança escapa ao charme do garoto. E ainda pra completar, foi tão bem criado, mas tão bem criado que eu fiquei desejando que existissem mais assim no mundo. Ainda bem que o livro dele foi lançado neste mês, porque depois do que acontece na reta final, estou muito curiosa mesmo pra ver a história do guri (e o desfecho da série – o que vai ser uma pena, por mim, a autora poderia bem continuar contando a história deles para sempre).

* Aliás, fica a dica para a Harlequin (e outras editoras): histórias assim merecem ser publicadas, sempre. Tem horas que acho que existe um excesso de gente poderosa e mal educada, histórias que se dizem de amor, mas na prática me fazem questionar onde está o amor ali. Na série dos Irmãos de Buckhorn, saímos tanto dos estereótipos de outras séries e autoras e a Lori Foster caprichou nas tramas que eu gostaria mesmo de ver mais livros assim.

- No LdM, já temos os livros de Sawyer, Morgan e também do Gabe - os gostosos de Buckhorn já laçados por mulheres muito sortudas.

- Pesquisei informações sobre a autora e a série no Fantastic Fiction:

Buckhorn Brothers
1. Sawyer (2000)
2. Morgan (2000)
3. Gabe (2000)
4. Jordan  (2000)
5. Casey (2002)
* Enticing: Casey / Caught in the Act (omnibus) (2007)
* Forever and Always: Gabe / Jordan (omnibus) (2002)
* Once and Again: Sawyer / Morgan (omnibus) (2002)

- Tem comentários sobre Jordan no Romances in Pink, no Uma conversa sobre livros, no Doida y Romântica. Em Inglês, no Goodreads – livro e a série; no The Romance Reader, no Fictiondb, no All readers. E vale conferir o que já saiu da autora aqui no LdM. Ah, vale visitar o site oficial da autora e com página para o livro. A curiosidade que me interessou: ela faz aniversário em 14 de novembro (ou seja, um dia depois de mim \o/). Ela também tem obras sobrenaturais (o lado negro de Lori Foster – LL Foster).

- E o frenesi da capa do Casey (lançamento do mês) chegou até a autora comentou a escolha da foto no Facebook.

- E para encerrar bem alegre e feliz este post olha só a capa do outro livro que faz parte do re-relançamento da série Buckhorn Brothers, com as histórias de Sawyer e Morgan, com esta singela capinha... (sim, como NINGUÉM reclamou, estou repetindo isso pela 4ª. vez).

Bacci!!!

Beta
Reações:

9 comentários :

  1. Ahhhhhhhhhhhhhhhhh Beta!
    Quanta maldade comigo, hahahaha.
    Eu também estou sentindo que Jordan será o meu preferido nessa série apaixonante.
    E depois dessa resenha só me resta torcer beeem muito para que a Harlequin disponibilize nas bancas aqui em PE o mais rápido possível. Pode acreditar, aqui ainda não chegou...

    Casey promete hein? *0*
    P.S: ADOREI as fotos em tamanho gigante, afinal o post merece.

    Beijinhos :*

    ResponderExcluir
  2. Também senti muita falta do lado Gabe veterinário, que foi pouco explorado. Também queria vê-lo com um gatinho! kkkk

    Ainda nada do Casey por aqui, distribuição muito, mas muito lenta...

    Endosso sua dica prá Harlequin: por favor, deem um tempo nesses casais estereotipados e mais ênfase a esse tipo de livro. Vão vender horrores, vocês vão ver!

    Beijos e no aguardo do Casey!

    ResponderExcluir
  3. JORDAN!!!! Ele também é meu favorito! Há como NÃO se apaixonar? Mim quer!
    Eu adorei o livro mas como você senti falta do lado veterinário dele.
    E, sério, a Harlequin precisa publicar mais livros desse estilo!

    Bjos!

    Thaís
    @sweet_lemmon

    ResponderExcluir
  4. ZEUS !!! OK, OK, OK, Máfia de Fúrias: eu comprarei essa série quando ela estiver completíssima ! Ah, ô louco, puxa vida, como eu poderia resistir a essas capas com esses torsos musculosos, fotografados desse jeito sedutor ???!!! Mas dispenso aquele sujeito daquela quarta capa porque faltou beleza e sustância naquela peça. ^^ Ok, eu não sei de que vocês estão falando mas eu queria gatinhos ali também, com esse veterinário de fazer você ronronar ... (suspiros) Ah, pelos milhões de pés de alface: como conter despesas desse jeito ???!!!

    ResponderExcluir
  5. Ly

    Aqui onde moro também o Jordan ainda não chegou. Chegaram os lançamentos de MARÇO! Graças a Deus, a Andrea me ajudou a conseguir o veterinário gostosão ^^
    E ainda bem que as fotos gigantes foram aprovadas. Fiquei com medo de que a tietagem explícita não fosse aprovada kkk

    Bacci!!!

    Beta

    ResponderExcluir
  6. Andrea

    Estou diversificando as leituras para não surtar com alguns casais de algumas histórias. Tem horas que parece que não mudei de autora nem de livro.
    Mas graças a Deus tem a Lori Foster e outras autoras que sabem prender a nossa atenção e compensar a nossa leitura!

    Bacci!!!

    Beta

    ResponderExcluir
  7. Sweet Lemon

    Pois é, não reclamaria de ler mais livros assim. Porque tem uns que cansam. Outros, como essa série, dão até pena de terminar...

    Obrigada por ter visitado e comentado o post :D

    Bacci!!!

    Beta

    ResponderExcluir
  8. Sil,

    Não queira conter despesas com esta série. É investimento necessário, praticamente obrigatório e com retorno garantido :D

    Bacci!!!

    Beta

    ResponderExcluir
  9. Ah, minha mestra indicadora de séries ótimas: eu concordo com você !!! Eu tenho quase todos esses rapazes: falta um só para completar essa família de machos cavalheiros que bem que poderiam ser meus vizinhos ... ^^

    ResponderExcluir