domingo, julho 15, 2012

Ciao!!!




É a estreia da Anne Oliver no Literatura de Mulherzinha. Falei sobre este livro nos lançamentos de março e finalmente consigo falar sobre ele aqui. É outro com selo “Escolha da Editora”, o que influenciou na prioridade para ele na pilha quilométrica...

Atração Fatal – Anne Oliver – Modern Sexy 56
(When he was bad – 2010 – Mills & Boon Modern Heat)
Personagens: Ellie Rose e Matt McGregor

Eles eram dois estranhos em um bar, unidos por uma atração fulminante... que não se concretizou. No dia seguinte, Matt recebeu uma missão da tia adotiva: cuidar da nova funcionária enquanto ela precisava viajar às pressas. E como o mundo é um ovo, não é que a nova funcionária era justamente a moça que o encantara, mas fugira dele na boate? Agora, se Ellie quisesse o emprego, teria que conviver com Matt, que estava disposto a manter uma distância nada apropriada...

Comentários:

- Ok, parece simples, mas não é tão simples assim. Ellie e Matt se conhecem em um momento de lazer, sentiram-se MUITO atraídos um pelo outro.
(Um livro que começa assim: “- Imagine ele nu” é pra atiçar a imaginação de qualquer uma, né? Agora imagina quando você já tem uma imaginação hiperativa...)
Só que nossa heroína, gata escaldada de experiências anteriores, sabe que homem assim é sinônimo de muito trabalho: por mais que você saiba que não deve cair em tentação, acaba pulando de cabeça... E depois ficando apenas com os caquinhos para juntar, sozinha. Por isso, Ellie fugiu. Ela sabia que não seria capaz de lidar com tudo que Matt poderia representar, lembrar e significar.

- Ter que reencontrá-lo foi algo muito inesperado (e, se ela acreditasse, obra do destino, com certeza). Teria que lidar com isso – com o fato de desejar o sobrinho da patroa e que ele, na ausência dela, a supervisionaria – para manter o melhor emprego que havia arrumado... Reticências à parte, ela bem que tenta, mas gente, como resistir a um homem como Matt? Enfim, leva um tempinho, algumas tentativas frustradas... E claro, em seguida, mais complicações. Enfim, Matt é um charme só (com um passado ruim, mas tudo indica bem resolvido). Ellie ainda arrasta os fantasmas do passado, mas irá resolvê-los. Tive a sensação que, no fim, a história perdeu um pouco do ritmo que vinha mantendo (mas devo fazer uma ressalva, terminei o livro em meio a uma crise de enxaqueca moderada – o que pode ter influído na minha percepção), mas gostei do estilo da autora, amei o Matt e curti a jornada dos dois... Se eu continuar lendo sobre australianos e neozelandeses, os italianos e espanhóis vão ter que disputar preferência já já...

- Linkitos: Site oficial da autora, onde há uma página para o livro. Informações no Mills & Boon e reviews no Goodreads.

Bacci!!!

Beta
Reações:

3 comentários :

  1. A Anne Oliver tem livros melhores. Não gostei desse, não, Muito confuso, o mocinho com potencial, mas deixou a desejar. A mocinha... Sem comentários, ô criatura confusa, procurando desesperadamente pelo em ovo. Eu hein...

    Esquecível...

    ResponderExcluir
  2. Hihihi: controvérsias acirrando curiosidade !!!

    ResponderExcluir
  3. "(Um livro que começa assim: “- Imagine ele nu” é pra atiçar a imaginação de qualquer uma, né? Agora imagina quando você já tem uma imaginação hiperativa...)"

    Quando é que a Harlequin volta a entregar em Belém para eu conseguir meu livrinho?? O.O
    Já querooo!! rsrsrs

    ResponderExcluir