sábado, abril 09, 2011






No final de janeiro, comecei uma série de votações para que todos tivessem a chance de participar das comemorações de seis anos do Literatura de Mulherzinha. A primeira era para definir qual série da Nora Roberts ocuparia quatro dos cinco sábados do Abril Imperdível. E devo mencionar que, faltando 1h para encerrar o sorteio, as duas séries estavam rigorosamente empatadas! Tive que dar um reforço na campanha no Twitter porque não queria ter que fazer um cara e coroa para definir a vencedora. Por isso, a decisão saiu MESMO na reta final, emoção até o fim...

Um Amor a Domar: Natasha – Nora Roberts – Harlequin Books (As Irmãs Stanislaski)
(Taming Natasha - 1990)
Personagens: Natasha Stanislaski e Spencer Kimball

A vida de Natasha seguia um ritmo calmo, conhecido e seguro: todos os dias ela cuidava da loja de brinquedos e em fazer felizes seus pequenos clientes. Até que uma família entrou na Fun House e o destino agiu: desde o momento em que ela e Spencer cruzaram o olhar, a vida de ambos nunca mais seria a mesma. Spencer tinha se mudado com a filha para reconstruir a vida numa cidade que permitisse a ele ter a calma e a tranqüilidade para criá-la e talvez que ele voltasse a compor. Não esperava encontrar uma mistura de fada com cigana que o encantou com um olhar, mas sempre escapava dele. Logo este jogo de idas e vindas levaria a uma sedução como nunca antes acontecera com ambos. E eles teriam que aprender a lidar com isso se quisessem ser felizes juntos.

Comentários:

- E os Stanislaski venceram os O’Hurley - por SEIS VOTOS! Sou suspeita para falar, porque adoro as sagas familiares da Nora. E esta aqui é à antiga, escrita no início da década de 90 – mesma época da série Mortal, quando ela ainda escrevia para a Silhouette, Acho que aqui ela devia publicar apenas uns mil livros por ano e ter apenas uns 100 escritores trancados no subsolo. Atualmente são mais de 1 bilhão de livros por ano e deve ter um continente escrevendo pra ela, porque não é possível apenas um ser humano escrever tantos livros diferentes (eu penei escrevendo resenhas e artigos...)

- Os Stanislaski são uma família de imigrantes que fugiram da Ucrânia ainda na época do comunismo. O pai, Yuri, e a mãe, Nádia, queriam que os filhos tivessem oportunidades e fossem livres. Uma aventura que não tem nada de romântica, mas teve final feliz: eles conseguiram chegar à Nova Iorque, com três filhos: Natasha, a mais velha, Mikhail e, o então caçula, Alex. Já instalados, nasceu a quarta criança: Rachel.

- Somos apresentados no primeiro livro à Natasha, a mais velha dos filhos Stanislaski. No Prólogo, uma lembrança da infância (algo que irá acontecer nos quatro livros) e, a partir daí, somos levados para a Natasha atual – adulta, dona de uma loja de brinquedos que era sinônimo de diversão e fantasia em uma cidade universitária de Virginia do Oeste. A vida dela muda com a chegada à cidade da família Kimball, formada por Spencer, a filha Freddie e a empregada Vera. Há algum tempo, o coração de Natasha tinha sido destroçado em um relacionamento e ela não queria sofrer de novo. No entanto, não estava preparada para os sentimentos despertados pelo viúvo, que a atraía e a assustava em igual proporção e a forçava a se reconciliar com fatos no passado que ainda doíam e se recusavam a cicatrizar, mesmo ela tendo se mudado para longe da família para aprender a lidar com eles. Já Spencer é um daqueles heróis na linha: vi, olhei, me apaixonei e vou ficar com você, que a Nora sabe escrever tão bem (os melhores livros da família MacGregor são assim e os da Tri Magia, também – isso numa lembrança rápida e desconsiderando o Roarke, da Série Mortal, porque ele é diferente deste padrão de herói, por ser um personagem mais complexo que as aparências mostradas aos leitores).

- Comprei a série no fim do ano passado, em uma promoção do site da Harlequin (o que me ajuda a não sofrer esperando algo ser lançado para ler todos). No entanto, uma reclamaçãozinha: não tem indicação da ordem cronológica (tanto que inverti a ordem de leitura dos dois primeiros). Sei que os livros foram editados separando as histórias das irmãs e dos irmãos. Mas preferi seguir a cronologia: Natasha, Mikhail, Rachel e Alex, como explica o site Nora Roberts Brasil. E ainda há duas histórias de herdeiros da família: Waiting for Nick (Esperando o Amor) e Considering Kate (Dança da Sedução), o único deles que eu ainda não li. E nesta página do Nora Roberts Brasil há mais detalhes sobre estes dois livros.

- A propósito, o site oficial da Nora Roberts vale a visita.

Bacci!!!

Beta
Reações:

2 comentários :

  1. Adoro os livros da Nora e aos poucos vou completando minha coleção. Ainda não tenho essa série, mas gosto muito das sinopses e das capas.
    Quem sabe compro logo.
    Bjkas!
    Monique

    ResponderExcluir
  2. Adoro os livros da Nora, com certeza é mais uma série que tem de ir para a minha estante.
    Beta arrassou!!!!!

    ResponderExcluir