domingo, janeiro 23, 2011

Ciao!!!

Confesso que morria de saudades de séries da Day Leclaire. Ela é uma das autoras das “antigas”, que eu lia desde a saudosa parceria NC-Harlequin (algumas ainda estão incompletas). E nem preciso dizer o quanto feliz fiquei ao ver uma série dela lançada na íntegra pela Harlequin. Eis o que irá divertir os leitores do Literatura de Mulherzinha!

O Rapto – Day Leclaire – Harlequin Special 6 (Intrigas Palacianas 1/3)
(The forbidden princess - 2007- Silhouette Desire)
Personagens: Alyssa Sutherland e Merrick Montgomery

Alyssa tinha motivos para ter todas as dúvidas do mundo se devia seguir, mas tinha que estar pronta para entrar na Igreja e se casar com o príncipe Brandt von Folke. Só que foi seqüestrada na porta da igreja. E o que já era complicado ficou impossível: ela precisava voltar para se casar com o príncipe, mas estava mantida cativa por Merrick Montgomery, tão poderoso e determinado a mantê-la desaparecida por meses, tudo pelo bem de Verdônia! E em meio à briga e às tramóias políticas para determinar a sucessão, Alyssa se vê desejando o que não poderia e sem saber o que fazer.

Comentários:

- Acho que já devo ter revelado em algum canto por aqui a minha predileção por histórias de príncipes e princesas e, claro, por séries. Imagine então, nas mãos de Day Leclaire, que não costuma decepcionar. Pois é, diversão garantida. E aconselho você a conseguir os três livros e ler na ordem, porque os dois primeiros deixam perguntas que serão respondidas no terceiro – o que torna a montagem do quebra-cabeça da trama criada pela autora ainda melhor.

- Neste primeiro livro, vamos conhecer detalhes de um país chamado Verdônia que é dividido em três principados: Verdon (comandado pelo duque Lander), Celéstia (que teve a morte do príncipe Frederick e a renúncia do príncipe Erik) e Avernos (comandado pelo príncipe Brandt von Folke) e um sistema incomum para escolher qual deles será o regente do país: a população vota e o vencedor assume o comando dos três principados. Como Alyssa, somos arrastados para a intriga política para influenciar quem será o novo regente de Verdônia após a morte do rei Stefan Montgomery (pai de Lander e Merrick). Somos informados no início que Alyssa não sabia de sua origem verdoniana, muito menos que era uma princesa e não conseguia captar qual era o papel que exerceria em meio a disputa política. E por isso, ela ficou ainda mais apavorada quando foi seqüestrada do casamento onde era obrigada a ser a noiva (para proteger a mãe). Claro, seqüestro nunca é algo bom, mas não tinha como não resistir a um homem lindo, maravilhoso, que estava fazendo o que achava melhor pelo país... Só que Alyssa e Merrick teriam que passar por muitas provações e tramóias políticas para conseguir superar o plano de Brandt e serem felizes... E nesta trama, já temos o link direto com a terceira parte da história – As núpcias (com a qual tem cena em comum) e conhecemos um pouco do príncipe Lander, que será o protagonista do segundo livro, O mistério.

- Farei um comentário mega-inútil (deve-se à minha overdose de casamentos no ano passado, acho que virei especialista nestes detalhes): amei o vestido de noiva da capa do livro. Finalmente uma noiva com cara de noiva, não competindo com o bolo ou com uma capa branca de botijão de gás.



- Momento dicas: para quem quiser visitar, eis o site da Day Leclaire. E para quem quiser ler, aqui estão o que os blogs Mulheres Românticas e o Romances in Pink falaram sobre o livro.

Bacci!!!

Beta
Reações:

2 comentários :

  1. kkkkkkkkkkkk!!!! Amei seu comentário mega-inútil! Realmente, não sei o que dá nas noivas: ou querem parecer uma baiana de escola de samba, ou disputar com o bolo ou ser árvore de natal com neve!

    Mas capa branca de botijão de gás foi ótimo! kkkkkkkk Ainda bem que casei de verde água. Pelo menos variei o tema - kkkkkkkkkk!!!!

    Agora vou correr atrás da série para poder comentar.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi Beta!

    Eu adorei essa série, também tenho uma queda por príncipes, reis, skeiks, gregos... ( tá, você pode achar que sou uma moça facil) mas tenho culpa se els são tudo de bom!?? kkkkk.
    Não posso escolher um dos três, pois gostei dos três livros.
    kkkk

    ResponderExcluir