domingo, setembro 13, 2009

O alerta está na Copa: Dominadores. Se este é um perfil de história que atrai sua atenção, mergulhe na leitura. E, neste caso, coloque o tempero de uma vingança provocada por orgulho ferido (siciliano no meio? Nooooooormal)

O Poder do Coração - Lucy Monroe - Paixão 85 (Dominadores)
(The Sicilian's marriage arrangement - 2004 - Mills & Boom)
personagens: Hope Bishop e Luciano di Valerio

Hope era a herdeira do avô milionário, mas era praticamente invisível. Tímida, desajeitada era o pior "melhor partido" disponível: sem sal e péssima amante, era o que diziam. No entanto, ao ser consolada pelo empresário siciliano Luciano, ela não imaginava o tamanho da encrenca: as maledicências da sociedade seriam o menor dos seus problemas. Afinal de contas, seu avô resolveu dar-lhe mais um presente: comprou-lhe o marido de seus sonhos - coagiu Luciano a se casar com ela. O siciliano ainda teria que convencê-la a aceitá-lo, o que não seria difícil quando se lembrava do primeiro beijo dos dois. Eles se casam e a revolta de Luciano piora quando ele tem evidências de que Hope havia planejado junto com o avô chantageá-lo para o casamento. Agora ela também sofreria a vingança dele...

Comentários:

- Hope é o patinho feio com consciência crítica. De tanto ser ignorada pelo avô e menosprezada pelos amigos dele, ela tem noção de que não se tornará a musa do verão à toa, de uma hora para outra... Portanto é óbvio que ela desconfia da corte de Luciano. Mas o desejo a atrapalha a perceber que realmente havia algo a mais no interesse dele.

- E pelo menos ela soube se posicionar quando a verdade veio à tona. Apesar de ser patinho feio merecia respeito e amor e parecia que os dois homens a quem ela amava não eram capazes disso. E foi conversando que Hope resolveu tudo - enquanto os homens eram passionais, a sensatez sobrou para a mais frágil dos elos nesta história.

- Sim, tem gente nadando na jaca (mais que pé na jaca), tamanha a lambança. E por sorte a heroína tem postura e soube bater o pé sem parecer uma parva.

Bacci

Beta
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário