sábado, dezembro 09, 2006

Ok, todos já tiveram vastas e simpáticas evidências da minha indisfarçável paixão pela Itália (ou se preferirem absoluta obsessão por Florença). E não é que eu achei um livro onde isso era explorado, de uma forma mais suave??? E detalhe - sem um herói italiano, tendo a beleza do país como personagem importante...
Para quem quiser, fica a dica...

Um amor em Veneza - Sandra Kitt - Julia 1365
(The next best thing - 2005 - Kensington)
personagens: April Stockwood e Hayden Calloway

Era uma viagem planejada com muito gosto... April havia feito uma lista de várias coisas que gostaria de fazer: uma delas era conhecer Veneza. Só foi chegar a uma das cidades mais românticas do mundo que tudo pareceu dar errado: a amiga que a acompanhava teve que deixar a cidade às pressas para resolver um problema de trabalho. April foi furtada e levaram dinheiro, documentos e passaporte. E sem passaporte... nada de ser aceita por algum hotel. Na delegacia, conheceu uma despachada italiana - e através de Marina Cesso, reencontrou Hayden, com quem havia estudado na escola anos atrás. O que começou com um estranhamento, passou a ser ajuda, em seguida, amizade reatada e, por fim, paixão explosiva. E aí, a surpresa: April não queria ficar com Hayden, que não estava a fim de desistir dela.

Curiosidade:

- Adorei as palavras em Italiano citadas na história. Tudo bem que se limitam ao básico do básico do básico, mas revela um cuidado da autora...

- Ah, sim, há um motivo muito forte para April fizesse a lista das mil e uma coisas que gostaria de fazer. Isso me lembrou que a gente não precisa superar problemas graves para valorizar as enormes, grandes, médias e pequenas coisas que estão no nosso dia a dia e que a gente não percebe. E já que é final de ano, é a hora das famosas promessas e resoluções para os próximos 365 dias... fica a dica!

Beijos

Beta
Reações:

0 comentários :

Postar um comentário