segunda-feira, abril 10, 2017

Ciao!!!


Então...
(Quando começa assim...)
Sabe quando você quer MUITO ler um livro e ele te dá uma rasteira que você fica tão desorientado que nem Gelol, beijinho de mamãe ou aquele doce favorito te colocam no prumo?
Foi mais ou menos isso que aconteceu comigo.
Por isso, tentem entender a maluquice que ficou a minha cabeça para escrever este texto.

Corte de névoa e fúria – Sarah J. Maas – Galera Record (Corte de Espinhos e Rosas #2)
(A Court of Mist and Fury - 2016)
Personagens: Feyre e Tamlin, o Grão-Senhor da Corte Primaveril e Rhysand, Grão-Senhor da Corte Noturna

Após morrer e ser Feita, Feyre, a Quebradora da Maldição, voltou para a Corte Primaveril para o início de uma nova vida ao lado de Tamlin. Só que as coisas não foram nada como ela esperava. Ainda confusa com os poderes e habilidades que herdara, não encontra apoio em Tamlin nem na sacerdotisa que se mudou para a corte para ajudá-los. A solução veio do acordo não quebrado com Rhys, Grão-Senhor da Corte Noturna, com quem ainda era obrigada a passar determinados períodos. Até que a situação explode e é justamente na corte inimiga onde Feyre encontra abrigo, amizade e começa a se reconstruir. Só que Tamlin não vai deixar isso barato. E talvez o preço seja caro demais para os riscos e a briga que Feyre está considerando assumir.

Comentários: 
Eu amara o Grão-Senhor que tinha me mostrado os confortos e as maravilhas de Prythian; amara o Grão-Senhor que me deixou ter tempo e comida e segurança para pintar. Talvez uma pequena parte de mim sempre se importasse com ele, mas... Amarantha nos quebrara, aos dois. Ou me quebrara tanto que quem ele era não parecia mais adequado”.

- Vou começar pela parte racional (afinal de contas, eu tenho que ser justa). No balanço dos prós e dos contras, o livro é bom. Ele aprofunda o nosso conhecimento sobre o mundo em Prythian, afinal o desfecho do livro anterior não foi garantia de felicidade imediata para todas as cortes. Ainda havia muitos danos a tentar remendar – porque alguns eram impossíveis de consertar.

- Ao voltar para a Corte Primaveril, tudo o que Feyre quer é retomar a sensação de segurança e familiaridade para se adaptar com o seu novo eu, após ser Feita pelos poderes combinados dos sete grãos-senhores. Só que ela não encontra o mesmo Tamlin em quem aprendeu a confiar, desejar e amar. E nem ela é mais a mesma Feyre mortal que ele conhecera. E as diferenças – e as consequências dela – estavam causando sérios problemas. Confusão, questionamentos, baixa autoestima.

- Por incrível que pareça, ela conseguia uma pausa nisso quando Rhys cobrava o acordo de ela passar um tempo com ele na Corte Noturna. Só que também não solucionava o problema, só aumentava a confusão, porque ela não conseguia entender o que Rhys queria dela, porque ele exigia que ela se aperfeiçoasse superando seus pontos fracos e qual era o papel dela em seja lá o que fosse que ele tivesse em mente.

- Só que essa situação chega a um ponto insustentável e Feyre acaba refugiada na Corte Noturna. A partir daí, temos mais acesso a outro ponto de vista de tudo que ocorreu em Prithyan: o do “malvado” Rhysand, o que era a “vadia de Amarantha”, o temido Grão-Senhor mais poderoso de todos os tempos. Ah, sim, inimigo jurado de Tamlin, de quem ela tinha sido noiva antes de fugir rumo a qualquer lugar que a fizesse melhor. Pelos olhos, experiências, dúvidas e curiosidades de Feyre vamos aprendendo que o mundo e as intrigas entre os feéricos vão muito além do que ela imaginavam. E que o destino de Amarantha não foi o final, mas apenas um capítulo em uma batalha muito maior que dividia opiniões. Havia quem não acreditava que ela fosse ocorrer. Outros, como Rhys, sabiam que não há chance para a paz enquanto todo o mal não fosse combatido e derrotado.

- O problema é que não dá para confiar em qualquer pessoa. Com uma sensação de liberdade ainda recente e frágil, qualquer erro pode trazer consequências drásticas. Por isso, a obrigação de atuar, dissimular, disfarçar o real interesse para agir em prol de um objetivo maior. Junto com Feyre vamos descobrir muitas coisas que não sabíamos ou não percebíamos antes. O final é daqueles apoetóticos porque as peças foram movidas e muita gente termina surpreendida e levando rasteira. Sacrifícios, escolhas, promessas de vingança. (E estou me contendo porque adoraria falar muito mais coisa, mas não dá, afinal de contas detesto spoiler).

Fim da parte racional e sem spoilers.
Se quiser parar, pra não ficar curiosa (o), posso dizer que DETESTEI a principal reviravolta do livro.

Se seguir a partir daqui, sua culpa.

Minha cara quando me dei conta de que o livro NÃO ERA o que estava pensando 
- Você desistiu de mim – repeti, um pouco mais alto. – Você era meu amigo. E o escolheu, escolheu obedecê-lo, mesmo quando viu o que as ordens e as regras dele faziam comigo. Mesmo quando me viu definhando dia após dia”.

- E se você, como eu e provavelmente todo mundo que leu Corte de Espinhos e Rosas comprou a briga de Feyre e Tamlin, sofreu com eles, então vai me entender: me senti enganada. Tem Procon literário? Quero ir lá apresentar queixa!

- Pior que já sei que não adianta de nada. Não dá pra pedir pra devolver o casal que me deixou apaixonada. O estrago aqui foi feio. Não foi apenas Feyre quem se desencantou com Tamlin. Eu fiquei louca de raiva com as coisas que ele fez (faltou alguém dizer a ele: “para que tá feio”) e odiei saber que era cilada, ilusão, qualquer coisa que você quiser cantar aí.  E eu me sentindo a única moradora da Corte da Cara de Tacho e Pamonha.

- E como tudo pode ficar mais complicado, nem detestar Rhys eu consegui. Porque ele é o melhor personagem da trama disparado. Já tinha essa desconfiança do potencial dele no livro anterior, justamente por causa de todo mistério em torno dele. Instinto escorpiano avisava que tinha mais coisa ali, águas profundas, do jeito que eu gosto. Só não gostei da sensação de ter desperdiçado sentimentos com as situações, personagens e casais errados e ver tudo que senti ao ler o primeiro livro evaporar e virar a névoa e a fúria do titulo do segundo volume.
E me perguntei se amor seria uma palavra muito fraca para o que eu sentia, o que tinha feito por mim. Pelo que eu sentia por ele

- E enquanto não resolver a encrenca, como fico? Não sei. Gostei de Rhys, mas não gostei de ver Tamlin ser transformado no que foi. Ah, também não gostei que o acerto de contas com uma personagem muito cretina ficou para o próximo livro.

- Ah, se eu vou ler o próximo livro? Depende do meu humor até a época que ele for lançado. Vamos dar tempo ao tempo para eu digerir que fui feita de trouxa, não gostei, mas Rhys talvez compense.
Talvez.

No fim das contas, menos um na lista de Metas de 2017 e ainda bem que tem a Celaena. Ela não me decepciona.

Série Corte de Espinhos e Rosas
2. Corte de Névoa e Fúria – A Court of Mist and Fury 
3. Ainda sem título em Português – A Court of Wings and Ruin - previsto para maio de 2017
* No site da autora, há a afirmação de que será uma trilogia.


Bacci!!!

Beta
Reações:

18 comentários :

  1. Oi, Beta!
    Quero acompanhar essa série, mas tenho tantos outros livros na frente. :/
    Como não quero spoiler li por cima sua resenha, já que nem li o primeiro!!!! rsrs... Uma pena o livro não ter sido do jeito que você esperava. Pelo jeito você ficou enfurecida com a reviravolta. rsrs... Espero que você leia sim o próximo e esse te agrade. o/
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    Eu não conhecia essa saga e infelizmente o gênero não é do meu gosto. Pelo que entendi você odiou a reviravolta da continuação, não é mesmo? Isso colaborou muito com a minha decisão em relação a obra kkkkkk, estou aguardando outras recomendações! ♥

    → desencaixados.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Beta!
    Eu senti o mesmo quando li o livro, sem contar que achei que a autora enrolou DEMAIS no livro, e só aconteceu algo nas últimas 100 páginas. Vamos ver como será o próximo livro, mas não sei se vou gostar.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Eu não li ainda o primeiro livro dessa serei mas quero muito ler ainda esse ano. Apesar de não conhecer a escrita da autora eu li muitos elogios a cerca do primeiro livro. Uma pena que essa sequência tenha sido um pouco perturbada kk. Enrolar um livro (que não é nem um pouco peqeuno) é algo que deixa qualquer um chateado
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá,

    Me poupei de ler muito sua resenha, pois quero muito ler esse livro, mês passado li o anterior e pirei de tanto que gostei da história. Mesmo não tendo lido esse livro ainda, eu entendo o porquê de Feyre se sentir bem na companhia de Rhys, ele não é 100%, porém eu shippava muito Feyre e Tamlin, pelo andar da carruagem eu acho que não vai funcionar este relacionamento :/
    Se eu já estava querendo ler a continuação, agora estou pirando, mal posso esperar para saber tudo o que acontecerá.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá, primeiramente digo que amei essa imagem que você colocou, rsrs.
    Eu ainda não comecei a ler essa série, mas é ruim quando nos sentimos completamente enganados e nos decepcionamos com um personagem, né?! Espero que você curta mais os próximos volumes.

    ResponderExcluir
  7. OOi!
    Primeiramente, nossa capa está tãaaao mais linda! Amo as capas dessa série!
    Segundo, morro de vontade de lê-la. Que pena que se decepcionou tanto dessa vez, se for ler os próximos, espero que sejam tão bons que compensem o desapontamento com esse.
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  8. Olá
    Huahuahu adorei a resenha. É muito chato se sentir enganada, Né? Sei bem como é, me senti assim com GoT por exemplo, e no meu caso abandonei sem dó nem piedade, mas espero que o próximo seja muito melhor.

    ResponderExcluir
  9. Oii, tudo bem?
    Ouvi falar muitooo sobre essa série, mas ainda não havia lido uma resenha sobre a mesma. É uma droga quando a gente se decepcionada com um personagem e que pena que tenha sido uma grandee decepção.
    Acho que vou ler mas em breve, mas dessa vez não é o momento (ainda sabendo sabendo que provavelmente serei decepcionada também, haha)

    ResponderExcluir
  10. Oiii Beta, tudo bem?
    Infelizmente eu não sou muito chegada nesse livro, mas fico feliz que tenha trazido a resenha para nós, quem sabe um dia eu dê a oportunidade e acabe gostando mesmo, ótima resenha flor.
    Abraços

    ResponderExcluir
  11. Oi, Beta!
    Eu quero muito ler esses livros, vejo vários comentários positivos sobre eles. Por não ter lido o volume um, não entendi grandes coisas, mas deu pra saber mais sobre o livro, kkk.

    ResponderExcluir
  12. Oiii tudo bem??

    Então parei até na parte dos spoilers, não li o 1, e me recuso a pegar os spoilers hauhauahu, ainda quero ler. Pena que detestou as reviravoltas.
    Adorei a resenha.
    Bjs Rafa

    ResponderExcluir
  13. Oi!!
    Eu estou com o primeiro livro aqui e quero muito ler ele logo porque gosto muito da autora, uma pena que a leitura te deixou um pouco perdida, esperando que fosse algo diferente.
    Gostei de saber que será uma trilogia.
    Espero não me decepcionar com a leitura.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  14. Oii
    Eu até tenho interesse na série, mas não sei se chegarei a ler algum dia, rs.
    Adorei sua forma de fazer a resenha, cheia de bom humor <3
    Uma pena você ter detestado, após gostar tanto do outro livro... mas acontece né? Comigo também já aconteceu... Ai parece que até estraga o outro livro junto. kkkk

    Vícios e Literatura

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem? Estou ainda para ler essa segunda série da Sarah J Maas. Quero primeiro pelo menos terminar Trono de Vidro pra começar essa. E como assim você detestou a reviravolta que teve? HAHAHAHA esses livros são divisor de opiniões que olha só, adoro AHAHAHAH
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oie!!
    Ai gente, é tão ruim quando queremos tanto ler um livro e quando o lemos não era aquilo que esperávamos.. Uma pena, de verdade...
    Eu gostei da sua resenha apesar de tudo e confesso que eu queria ler essa série, agora... bom agora to em dúvida, mas quem sabe...

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  17. oie!!!

    li por cima a sua resenha pois essa é uma das minhas próximas leituras e vi que vc meio que se decepcionou???? ah mesmo assim eu não desanimei por que a autora é uma coisa...meniiinaaaa...hehe

    adorei o pouco que li e deu pra ver que a autora seguiu o mesmo estilo de Trono de Vidro, já amei.... depois venho ler os spoilers!!!!

    bjs

    ResponderExcluir
  18. Oiee Beta ^^
    Eu sou doida para ler os livros da Sarah, mas depois de ver como esse livro te decepcionou... fiquei um tiquinho desanimada. Para ler essa série. Agora com "Trono de vidro" a história é outra...haha' eu sou DOIDA MERMO pra ler ♥ o único problema é o preço dos livros...hihi'
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir