terça-feira, abril 04, 2017

Ciao!!!


Eu confesso: adoro o Tá no Ar. Minha única reclamação é o horário – horrível para quem tem que madrugar no dia seguinte. Ah, sim, sei que dá pra ver depois no computador, mas gosto mesmo de ver na hora.

Tá no ar: a TV na TV no Livro – Editora Leya
Projeto de Alexandre Pimenta, Angélica Lopes, Daniela Ocampo, Leodnardo lanna, Marcelo Adnet, Marcius Melhen, Maurício Farias, Maurício Rizzo, Thiago Gadelha e Wagner Pinto, com organização de Alexandre Pimenta e Marcelo Martins - 2017

Eu sempre achei comédia mais difícil de ser feita. Sei que as maiores premiações de cinema – pra ficar em um exemplo – preferem os dramas. No entanto, tenho a impressão de que tem que ser muito bom para arrancar um riso de várias pessoas com a mesma piada.

- E todas as terças (que consigo ficar acordada), eu sei que vou rir com o Tá no Ar: a TV na TV. Para quem nunca viu o programa, eis o site oficial. Exibido após 23h possui dois blocos e cerca de 30 minutos de duração. A proposta é acompanhar uma programação televisiva, mas o telespectador não tem o controle remoto. É a direção do programa que “zapeia”. Dentro deste formato, são feitas críticas sociais e culturais. Às vezes, o quadro dura instantes, segundos e alguns são exibidas de forma completa.

- O livro mata a minha vontade de saber como eles criam este programa. Para quem estuda o tema ou é simplesmente curioso, conhece os detalhes de como são criados, escolhidos, desenvolvidos, produzidos os esquetes que, depois, formarão o programa.  Para quem não tem ideia de como é a estrutura de um programa televisivo, fica evidente a trabalheira que está por trás de um produto. Também revela como os quadros surgem – desde a observação do cotidiano, piadas internas do grupo envolvido no programa, comentários aleatórios, ideias aparentemente impossíveis, paródias de formatos televisivos. E como quadros, que seriam únicos, ganharam vida longa nas temporadas seguintes.

- O livro foi muito bem planejado e cuidado. As fotos são impecáveis. Se você for uma criança grande (que nem eu) vai pirar com o efeito da capa. Alguns textos sobre os quadros são acompanhados de QRCode, que permitem que você assista ao produto final. Um defeito? Como o programa, podia ser maior, no caso, ter mais páginas. A gente fica com gosto de quero mais. Ah, creio que há um erro na legenda de uma foto no início do livro com a apresentação do elenco para a 3ª temporada em 2015. Só que a 3ª foi em 2016.

- Apenas por curiosidade, estes são os quadros que mais me fazem rir.

* Comerciais: Activista; Bamerindus e outros.
* Jogo dos Santos: parte I, parte II, parte III.
(Vou parar por aqui ou este texto não terá fim)

E se quiserem rir mais, recomendo ver o programa acompanhando a #TáNoAr no Twitter. Se bobeira pega, o trem é coletivo por ali, porque vejo pessoas rindo das mesmas coisas que eu.


Bacci!!!

Beta
Reações:

14 comentários :

  1. Olá, tudo bem?
    Esse não é o tipo de livro que procuro, vou indicar aos meus amigos que curtam comédia.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  2. Não sabia que a série ia virar livro. Não assisto muita televisão, mas já ouvi falar bem sobre o programa. Acredito que o livro seja um sucesso!

    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Eu também acho que comédia é algo bem difícil de fazer, porque a maioria faz comédia escrachada para ter audiência e eu realmente não curto esse modo. Sou mais piada a lá inglês, sabe? Tem que ser inteligente.
    Hostei mesmo do livro, acho que se eu cruzar com ele por aí, vou dar-lhe uma chance!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Beta.
    Confesso que não sou uma pessoa muito fã desse tipo de comédia.
    Não me animo com esses programas, mesmo sabendo que são melhores do que alguns feitos por aí!
    Apesar disso, achei o livro interessante porque gosto de histórias de bastidores!!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  5. Heiii, tudo bem?
    hahaha..que legal esse livro, nao sabia disso e gostei da ideia de conhecer mais o programa.
    Achei engraçado a capa e acho que pra quem estuda radio e tv é uma boa dica tb pra conhecer mais sobre o meio.
    Mto legal a dica de leitura.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  6. Oii! Ultimamente não tenho assistido muita comédia, apenas série e de vez em quando alguns filmes de comédia mesmo. O livro, confesso que não tenho tanta curiosidade, mas fiquei curiosa em assistir o programa. Hoje em dia as piadas são tão forçadas que ás vezes desanima, mas gostei de você ter citado que eles fazem-nas por meio de críticas. Vou tentar assistir um dia,obrigada pela dica. Bjss!

    ResponderExcluir
  7. Oi, Beta
    Nem sabia que tinha esse livro! Gosto do programa também, mas também acho que ele passa muito tarde. E como você prefiro ver na hora.
    Eu não sei se leria o livro, mas gostei de saber que tem as explicações de como é feito o programa. Acho que é ma curiosidade válida.

    Blog Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
  8. Oii
    Acredita que nunca assisti a este programa? Hahaha Já vi propagandas e sei que existe, obvio, rs, mas não tinha ideia de que era um programa tão apreciado a ponto de virar livro, rs
    Que bom que matou sua curiosidade sobre como tudo é feito.
    Passo na dica, no entanto.

    Vícios e Literatura

    ResponderExcluir
  9. Olha vou passar a dica. Eu acho o programa extremamente chato então o livro para mim seria uma coisa desgastante para se ler. Parabéns pela resenha. Mas deixarei a dica passar.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Olá,

    Não conhecia o programa e confesso que não é o tipo de coisa que eu costumo assistir, quem dirá ler. Ainda assim parabéns pela resenha.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  11. Eu não conhecia essa série, a não ser pelas propagandas na TV.
    Mas achei interessante o fato de que uma série vai virar livro, já que geralmente acontece o contrário! hahaha

    Bjs

    Pipoca com Café

    ResponderExcluir
  12. Oi, Beta
    Não sou fã desse tipo de comédia, devido a isso acabo não me animando com esses programas.
    Beijos
    Daya

    ResponderExcluir
  13. Olá
    Eu assisto e Morro de rir com o Jardim Urgente, eu achei bem interessante essa ideia de criar uma TV dentro da TV isso é muito interessante.

    Beijos
    Biblioteca Desajeitada

    ResponderExcluir
  14. Olá! Ótima resenha, mas não vejo graça nesse programa, acho uma comédia muito forçada e sem um pingo de graça. Mas gosto é gosto e vejo que você gostou, então tem total apoio.

    ResponderExcluir