sábado, maio 07, 2016

Ciao!!!


Jovem grávida. Rompimento traumático. Reencontro mais traumático ainda. Haveria espaço para conciliação? É a proposta de Dani Collins nesta trama.

*** O outro livro desta edição é O legado do grego, Julia James.

Dívida paga com paixão – Dani Collins – Harlequin Jessica 2 Histórias 220 (Legado & Paixão)
(A debt paid in passion – 2014 – Mills & Boon Modern Romance)
Personagens: Sirena Abbott e Raoul Zesiger

De amante a ladra, Raoul tinha motivos de sobra para não confiar em Sirena Abbott. Ele queria que ela fosse presa, mas o resultado do julgamento a beneficiou. Para o choque dele, descobriu que ela estava grávida e havia grandes chances de ele ser o pai. Mas entrar em acordo com Sirena será difícil porque ela não quer nada dele e não está disposta a abrir mão da criança. Reviravoltas ainda vão complicar os planos dos dois forçando uma convivência onde máscaras cairão.

Comentários:

- Até quando uma pessoa pode pagar por um erro? Sirena errou ao pegar dinheiro da empresa de Raoul (mesmo que o motivo tenha sido nobre) quando era preferível ter aberto o jogo e pedido a ele um empréstimo. Com pavor de ladrões, ao descobrir o roubo, o ricaço nem hesitou em chamar a polícia e mandar a assistente e amante por uma noite para a cadeia. Quando o livro começa, a gente acompanha o julgamento que beneficiou Sirena e a deixou livre. Então veio o choque de descobrir que Sirena estava grávida e, apesar de ela não dizer, sim, ele poderia ser o pai.

- Sirena é uma daquelas heroínas que, mesmo sofrendo, não esmorece. Sabendo o que Raoul pensava dela, tratou de colocar no papel tudo que beneficiasse a criança e a tirasse do alvo dele. Só que a saúde dela não colabora e Raoul se impõe como cuidador. A convivência forçada obriga ambos a revisitarem os próprios sentimentos e ressentimentos. Raoul passa a conhecer Sirena como além da ex-assistente eficiente, da ex-funcionária ladra e da mãe do bebê. Sirena passa a vê-lo como mais que o antigo patrão gato rico workaholic, homem impiedoso que a entregara para a polícia e pai do bebê.

- E é claro que este novo e ainda não muito confortável relacionamento entre eles não vai engrenar em um passe de mágica. Ambos vão contribuir para criar e ampliar as dificuldades. Mas eles precisarão superar porque querem mais que serem os pais de uma criança. Ainda há desejo entre eles. Pode se tornar algo mais sólido. Só que vão descobrir que não bastam boas intenções para tudo funcionar. Sem confiança, nada disso será suficiente. Gostei do estilo da autora. Vou procurar outros dela para ler.

Ah, apenas para dar um toque, em uma festa citada neste livro, aparece o casal Lauren Bradley e Paolo Donatelli. A história deles está em Prova de pecado, da mesma autora, publicado no Paixão 387.


Bacci!!!

Beta
Reações:

3 comentários :

  1. Oi Beta, tudo bem?
    Eu gosto de histórias assim, com mocinhas que não se deixam abater, que vão a luta e que conseguem dar a volta por cima.
    Mais um pra lista.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  2. Lembro que li essa história há mais de 2 anos, mas o que me impressionou foi a profundidade dos personagens, o que não se encontra muito em livro de banca. Porque pra eles tentarem ficar juntos de novo era necessário uma coisa que depois de perdida, fica difícil de ser conquistada: a confiança. Depois disso comecei a prestar atenção nos livros da autora e outro que também adorei dela foi Casamento mais que conveniente (Jessica 215)

    ResponderExcluir
  3. Roubar por uma causa nobre de um ricaço avesso a ladrões não foi uma idéia boa. Inclusive porque roubar nunca é uma idéia boa, pois leva parte de inocência e de honra de quem roubou pro brejo. Além de levar toda sua razão junto. Claro que ele tinha razão mas houve exagero de sua parte, o que ela não esqueceu e não perdoou. Parece uma caçada entre gato e rato para testar brios. Muito bom, mas pobre bebezinho inocente.

    ResponderExcluir