terça-feira, abril 12, 2016

Ciao!!!



É muita gente encrencada servindo de marionete em um jogo político entre cobras criadas. E Terri Brisbin, mais uma vez, conta a história de um amor que surge e precisa sobreviver entre espinhos.

Coração Honrado – Terri Brisbin – Harlequin Históricos 162 (Medieval)
(The Dumont Bride – 2002 – Harlequin Historical)
Personagens: lady Emalie Montgomerie e Christian Dumont, conde de Langier

Lady Emalie, condessa de Harbridge, tinha se tornado uma peça importante em um jogo de ambição e poder. Por isso, ela e todo o povo de Greystone agora estavam em risco. Foram salvos pela intervenção da rainha Eleanor, que providenciou um noivo nobre e um casamento para protegê-los. Para salvar a si mesmo e ao irmão do destino como traidor, o conde de Langier, Christian foi enviado da França para a Inglaterra pelo Rei Ricardo para cumprir a missão designada pela mãe, a rainha Eleanor, sem reclamar. Aparentemente, a missão era se casar e assumir uma propriedade estratégica. No entanto, logo, logo, ele entenderia que estava envolvido em um jogo arriscado.

Comentários:

- Duas pessoas encrencadas terminam envolvidas em uma encrenca muito maior que eles. Lady Emalie precisava proteger a si mesma e ao povo dela, para isso não se furtou de nenhum sacrifício. Mesmo quando a rainha Eleanor em pessoa veio apurar o que ocorrera, nem seus criados nem ela revelou o segredo. Mesmo assim, a rainha percebeu o que houve e soube que teria que tomar providências imediatas. E foi assim que Emalie se viu obrigada a casar com Christian.

- Christian e o irmão Geoffrey estavam presos há meses, condenados por tabela pelo crime de traição que levou o pai deles à morte. O irmão já estava doente e poderia não resistir muito tempo sem tratamento. Então ao ser chamado pelo Rei Richard e oferecida a chance de recuperar as graças do monarca e o nome família, ele aceitou viajar para cumprir a missão que seria designada pela rainha. E se deparou com um casamento com uma jovem bonita e herdeira de uma propriedade produtiva e bem administrada.

- Arrastados para um casamento que nenhum dos dois desejava ou para o qual estava preparado, eles precisam se adaptar. Emalie sofre com a perda de importância e poder perante seu próprio povo. Christian se revela mais paciente que o esperado, embora não seja perfeito. Mas é claro que turbulências ocorrerão. E um casamento feito por imposição, em bases frágeis pode sobreviver à intriga? Ou pior ainda: aos desdobramentos da verdade ignorada por um deles?

- Muita intriga, muita ambição, muita fragilidade, muita omissão, muito medo. Temos uma heroína fazendo o que pode dentro das limitações impostas à mulher no período medieval. Claro que temos exemplos de mulheres que conseguiram ser poderosas mesmo assim – a rainha Eleanor é um exemplo de uma força a ser temida na disputa pelo poder na família dela. Emalie não tem uma área de atuação como a rainha e ainda está em uma posição fragilizada e seus inimigos sabem disso. Christian está em situação um pouco melhor para salvar a si mesmo e ao irmão, mas terá que vencer um inimigo poderoso na jornada. Não pense que ele será um cavaleiro de armadura branca, disposto a comprar a briga. Os dois irão evoluir da desconfiança, do ressentimento, do orgulho ferido, do medo, do desespero um com o outro. E a jornada – e as ameaças – compensam a nossa leitura.  

- Em um momento da trama, são citados Lady Fayth Durwyn de Lemsley e sir Hugh. Aí já viu, né? Sininho de “opa, de onde te conheço?” bateu e eu tive que dar uma pesquisada. Como não estou com o livro aqui em casa, suspeito que seja uma citação anterior aos fatos que ocorrem em Senhora do Dominador. Mas é parte de uma série, confira os títulos:
  
The Dumont Serie;

1 - The Dumont Bride - Coração Honrado - lady Emalie Montgomerie e Christian Dumont, conde de Langier
2 - The Norman's Bride - Noiva sem passado - Isabel e William Royce de Severin
3 - The Countess Bride - Catherine de Severin e Geoffrey Dumont
3.5 - Love at first step (na coletânea The Christmas Visit) - Elizabeth e Gavin MacLeod
4 - The King's mistress - Marguerite e Orrick of Silloth
4.5 - The Claiming of Lady Joanna (na coletânea The Betrothal) - Desejo Sagrado - Lady Joanna de Blackburn e Lorde Braden de Wynwydd


Bacci!!!

Beta
Reações:

Um comentário :

  1. Oh, mas que situação terrível para ambos !!! Ela guardando um segredo que não poderia revelar para ninguém mas poderia complicá-la demais por não ser revelado. Ele às voltas com uma missão muito mais complicada que um casamento simples, principalmente depois de casado, enquanto seu irmão ficaria enfermo em uma prisão distante, todos dois com uma machado sobre seus pescoços, acusados de traição, como seu pai. Uau !

    ResponderExcluir