quarta-feira, dezembro 02, 2015

Ciao!!!



Santa eguinha pocotó! Dizer que subi no trem andando foi o resumo do dia. Mal comecei a ler e o radar de série disparou alegremente. Minha sina, tropeçar em livros sequenciais, né?
Mas não esperava o que encontrei aqui.

Chance – Vicki Lewis Thompson – Flor da Pele 29
(Claimed! – 2010 – Harlequin Blaze)
Personagens: Jonathan Edward “Jack” Chance e Josie Keller

Inspirado pelo bem-sucedido desfecho romântico do irmão, Jack se encheu de bebida e de coragem para tentar rever Josie, com quem rompera de forma abrupta e traumática meses antes. No entanto, acabou passando um vexame que só piorou no dia seguinte, quando a família soube e, para completar, foi coagido a dar aulas de equitação para Josie. Os dois seriam os padrinhos principais no casamento de Gabe e Morgan e precisavam resolver a situação pendente entre eles. Só não podiam ampliar o problema. Adivinha o que acontece?

Comentários:

- Olha, se estiverem procurando um livro gostoso de ler sobre um fazendeiro que está mais perdido que agulha no palheiro e (meio inconscientemente) quer achar o caminho de saída, peguem esse. Sentindo-se culpado após a morte inesperada do pai em um acidente, Jack rompeu com Josie. Herdou o comando de Última Chance, a fazenda da família,  virando um workaholic que infernizava a vida de todo mundo – da família e dos empregados. Motivado pelo empurrão que deu para o final feliz do irmão – e muito álcool no sangue – bateu à porta de Josie, meio sem saber o que queria, mas querendo assim mesmo. E foi surpreendido ao ser atendido por um homem. Quis brigar, se atrapalhou todo e demorou a entender que não era um rival, mas Alex o irmão de Josie. Que – por motivos óbvios – não ia com a cara dele.

- Quase um ano depois do rompimento, o reencontro inesperado balançou as defesas (já frágeis) de Josie. Será que ainda havia algo, além da atração quase incontrolável? Será que valia a pena lutar por algo? Antes eles tiveram um relacionamento intenso e passional, que a deixou de coração arrasado. Agora, eles teriam que conviver, mesmo após o momento pateta e patético de Jack com Alex, porque seriam os padrinhos de Gabe e Morgan, que cismaram de se casarem montados nos cavalos da fazenda. E Josie não sabia cavalgar.

- Aula de equitação na floresta? Com um casal que não consegue ficar longe um do outro (apesar de todos os pesares envolvendo a relação). Vocês já sabem que isso não tem a menor chance de dar certo, né? Então nem vou dizer nada sobre isso, leiam e tirem suas conclusões sobre equitação seguida de exploração anatômica na floresta. Ah, e sobre algumas consequências inusitadas disso.

- Basicamente, Jack não é má pessoa. Tinha algumas cicatrizes profundas, que fazia questão de ignorar, mas o peso delas estava comprometendo a vida dele. A diferença dele para os ogros é que ele tem bom coração e sofre com as decisões. Está perdidinho, coitado. Agora que a vida parece ter acalmado depois da porrada da perda do pai, ele está percebendo isso. Não será fácil, mas necessário. E ele será uma pessoa muito melhor depois disso.

- Josie teve que derrubar o muro, quebrar a casca para ajudar a recuperar o homem maravilhoso que estava se sufocando por causa dos traumas do passado e da culpa dele pela morte do pai. Ela tinha sofrido pelo rompimento, sabia que ainda estava apaixonada por ele, mas tinha que fazê-lo perceber que precisava resolver estes sentimentos para poder valorizar o amor que recebia das pessoas e não entendia. Missão difícil, mas não impossível para uma mulher determinada.

- Já intuindo que era uma série (pela óbvia citação dos irmãos, já devidamente apaixonados - sim, irei caçar os livros deles - e ainda pelo gancho para o próximo livro no último capítulo), fui pesquisar. A autora criou pensando nas pessoas que vivem e convivem na fazenda Última Chance. Por isso, tem um, digamos, tiquinho mais que os quatro livros que eu esperava. Vejam:

Série Sons of Chance
0.5 – Racing Hearts: A Calculated Risk/ An Outside Chance/ This Time Around - Veronica "Roni" Kenway e Judd Timmons
1. Wanted! – Atração – Flor da Pele 23 – Dominque Jeffries e Nick Chance
2. Ambushed! – Cilada – Flor da Pele 26 – Morgan O’Connelli e Gabe Chance
3. Claimed! - Chance – Flor da Pele 29 – Jonathan Edward “Jack” Chance e Josie Keller
4. Should’ve been a cowboy – Tyler O’Connelli e Alex Keller
5. Cowboy up - Emily Sterling e Clay Whitaker
6. Cowboys like us - Caro Davis e Logan Carswell
6.1. Merry Christmas, Baby: It’s Christmas Cowboy!/ Northern Fantasy / He’ll be home for Christmas - Lacey Evans e Tucker Rankin
6.2 Already Home - Tina Bledstone e Langford “Hutch” Hutchinson
7. Long Road Home - Olivia Sedgewick e Wyatt Locke
8. Lead me Home - Aurelia Smith e Matthew Tredway
9. Feels like Home - Meg Seymour e Rafe Locke
10. I Cross my Heart - Bethany Grace e Nash Bledsoe
11. Wild at Heart - Naomi Perkins e Luke Griffin
12. The Heart won’t lie - Keri Fitzpatrick e Michael Hartford
13. Cowboys & Angels - Elle Masterson e Trey Wheeler
14. Riding High - Lily King e Regan O’Connelli
15. Riding Hard - Tracy Gibbons e Drake Brewster
16. Riding Home - Jeannette Trenton e Zach Powell
17. A Last Chance Christmas - Molly Gallagher e Ben Radcliffe
E ainda coletâneas com as três primeiras histórias e outra com os livros 4 e 5.


Bacci!!!

Beta
Reações:

Um comentário :

  1. Eis um casal complicado bastante interessante para ser acompanhado de perto em sua história ! Ela mais acertada. Ele mais traumatizado. Eu prefiro casal assim. Eu divirto-me muito mais em minha leitura quando é ele quem é o complicado sofrido porém humano, sem ser burro ! Principalmente quando ela faz com que ele reveja a si próprio sem que ela saiba desse progresso !

    ResponderExcluir