quarta-feira, abril 16, 2014

Ciao!!!

Em diferentes momentos desta jornada, o Literatura de Mulherzinha me apresentou a várias amigas - virtual ou pessoalmente - então nada mais justo que compartilhar esse aniversário. Por isso, convidei e algumas delas aceitaram escrever uma mensagem para estes 9 anos.
Agora é a vez da Barbara, do InDeath!!!

***


Querido LdM,

Eu te amo. Casa comigo?

Fonte: Parafernalhas

Nos últimos sete anos tu estiveste presente na minha vida em todos os momentos possíveis.
Nos irascíveis, com teus comentários ácidos sobre Ogros da Diana Palmer; nos alegres, com teus surtos apaixonados por certos personagens masculinos; nos tristes, com livros que não fizeram o que prometeram; nos surtados, com ataques de piriguetagem desenfreada; nos apaixonados, com histórias futebolísticas; e em todos os outros, até mesmo aqueles que tu nem sabes que existiram.


Porque, LdM, não é isso que todo mundo procura no seu parceiro de vida toda?

Alguém que esteja presente na sua vida, seja em um momento bom ou ruim?
Que faça tu rires em meio a lágrimas, chorar em meio a risos, achar alegria nas coisas mais simples?
Não buscamos um companheiro constante, que sempre ti recebe de braços abertos, sempre te fazendo sentir em casa?

Então, querido LdM, já estamos juntos há sete anos, na alegriana revoltano sofrimento alheio e até mesmo na absoluta piriguetagem... não é hora de nos casarmos?
Já passamos por tantas fazes, tantos momentos... já ficamos algum tempo afastados, já que a vida está sempre aprontando das dela... mas nem mesmo isso conseguiu diminuir nosso amor.

Então, querido, precisamos oficializar nossa união.
Consigo até ouvir nossos votos, proclamados em frente aos nossos amigos mais queridos, livros do coração: prometo a ti que irei amá-lo, chorar contigo, rir de ti, em todos os momentos que virão. Irei xingá-lo quando me fizeres chorar, irei abraça-lo quando me emocionar e beija-lo, muito-muito, quando fizeres eu me apaixonar.
Porque, LdM, tudo isso tu sempre causas. Me apaixono pelas tuas histórias, choro com tuas indicações e te xingo muito, muito mesmo, quando causas mais um vício irremediável.

Minhas lembranças contigo estão tão coloridas pelas experiências e tão desbotadas pelo tempo, como só as boas lembranças e os amigos conseguem.
Então, querido, querido LdM. Casa comigo?

Barbara Sant

XXX


Gentem! Essa sou eu, Barbara Sant, invadindo o LdM para comemorar o aniversário de 9 anos do blog de Betinha.

Pensei muito no que escrever, rabisquei uns quatro ou cinco textos, mas nada parecia... certo.
Como ando numa vibe de cartas e de amores eternos, resolvi pedir um de meus grandes amores em casamento.
Então, Betinha, deixa ele casar comigo?

Parabéns por mais esse ano de blog, de loucuras, amores e vícios. Que muitos, muitos e muitos ainda venham, para a sua e a nossa felicidade.
Te lovu!

Ba.


Reações:

Um comentário :

  1. UAU, que postagem original e surpreendente !!! Muito divertida e engraçada também por sinal !!! Tem um charme especial, principalmente naquele termo neologístico: "te lovu". Hihihi !!! ... Ótimo mesmo !!! Foi minha preferida dentre estas participações !!!

    ResponderExcluir