domingo, junho 16, 2013

Ciao!!!

Hoje é dia para tietagens explícitas na timeline. A Copa das Confederações começou e a primeira rodada tem às 16h, Itália x México e, às 19h, Espanha x Uruguai.
Por isso, fiz uma pequena lista de dados interessantes a serem observados nos jogos:

1) Cante com... a Itália: Sou suspeitíssima para falar (porque todos sabem o quanto amo a Itália), mas adoro o Hino Fratelli d' Itália. E adoro ver os jogadores cantando - porque eles cantam mesmo. Em alguns casos, esgoelam - exemplo: presta atenção no Gattuso, no Buffon e no Materazzi neste vídeo da final de 2006. Salvo alguma mudança pontual, estes serão os jogadores/cantores de hoje:



2) Jaqueline?:  Para evitar confusões, o nome do jogador é Giaccherini. Sabe-se Deus por quê... Na verdade eu sei: ao invés de estudar Italiano, muitos jornalistas apelaram para o curso Terra Nostra Express Fail. Aí, haja coração para os homicídios qualificados à belíssima língua italiana. Portanto, não tem nenhuma Jaqueline em campo, ok?

3) Gigi: Apelido fofo, lindo e que será pronunciado várias vezes em 90 minutos (e um tanto antes e outro tanto depois) do goleiro Gianluigi Buffon. Detalhe: não é um apelido oxítono (GiGI) e, sim, paroxítono (GIgi). Casado com a simpática Alena e pai dos lindos Louis Thomas e do David Lee, é um dos remanescentes da seleção campeã mundial de 2006.




Só tem um defeito: joga na Juventus. E eu enquanto Fiorentina fanática não posso me esquecer disso.

4) Sofrido Pirlo: sim, ele está sempre com aquela expressão blasé, que tem horas parece a cara do Pierrô que viu a Colombina fugir com o Arlequin. Mas joga um bolão. É outro dos veteranos do time e você vai ouvir muitas vezes alguém falar que ele precisa ser marcado porque é quem conduz a Itália. E você, pelo menos uma vez na vida, gostaria de ter estado no lugar dele. Quando? Disputa de pênaltis na decisão da Copa de 2006.






O recalque foi tão grande que havia uma comunidade no Orkut chamada "Eu também abraçaria o Cannavaro".

5) Balotelli: Controverso, polêmico, imprevisível,  bom de bola, maluco (clique aqui e leia uma "façanhas" dele) - todas são formas de se referir ao atacante italiano. Mas ele já chegou tuitando que ama o Brasil, dizem que foi supersimpático com os fãs que conseguiram chegar perto dele na praia no Rio de Janeiro. Essa personalidade exuberante já rendeu até uma homenagem-meme na internet, a Balotelli Song (devo avisar, se você ouvir, vai ficar HORAS com a música na cabeça).

6) Daniele de Rossi: queridinho de algumas blogueiras (posso garantir que ele é modelo mental em muita leitura medieval e antiga por aí - mas cá entre nós, o visual de gladiador combina bem com ele, né?) e Il Capitano Futuro (quando Totti decidir fazer qualquer outra coisa da vida) da Roma, o meio campo marcador levou uma rasteira na vida pessoal.: foi abandonado pela esposa - criatura carinhosamente chamada pela minha fonte romanista de "a maligna". Mas nem precisem se animar. O bonitão já se recuperou do trauma provocado pela insana (porque tem que ser insana, né?), já está feliz e alegre e vai ser papai de novo (do casamento com a "maligna", a única coisa boa foi a filha Gaia).



7) Dolce & Gabbana: motivo pelo qual desembarcaram no Brasil homens lindamente vestidos vindos da Itália e não um bando de sei lá o quê, como a gente costuma ver muito por aí. E motivo de uma campanha de moda íntima muito apreciada mundo afora (pena que eles não repetiram a ideia mais vezes...)





8) Cesare Prandelli: o técnico da Itália está acima do bem e do mal. Como já expliquei antes: não mexam com ele ou fico irritada. Grata, blogueira tifosa viola.

9) Chicharito - único jogador do México que #madrehooligan conhece. Detalhe: ela foi com a cara dele ao vê-lo numa partida do Campeonato Inglês (ele joga pelo Manchester United). Para quem perdeu a explicação que passou outro dia na TV, ele se chama Javier Hernandez, e o apelido Chicharito é porque o pai dele tem o apelido do Chicharo - ervilha - por causa dos olhos verdes...


10) Saudades...

... Paolo Maldini,  Fabio Cannavaro, Francesco Totti e Luca Toni: futebolisticamente falando coloquei gente demais no mesmo balaio, mas o balaio é meu, as saudades são minhas, então os incomodados já sabem pra onde ir, né?

... Rafa Márquez: Provavelmente, eu, Diana Palmer e todo mundo que leu Diana Palmer sentiremos isso na hora do jogo... (Quem não entendeu: leia o final deste post da Suelen, no Romantic Girl e se quiser entender as causas da saudades, clique aqui)

E, sim, pretendo voltar com a parte 2 ainda hoje. E acho bom todo mundo VER E COMENTAR ou eu solto o Jon Alonso armado e perigoso em vocês hahaha

Bacci!!!

Beta
Reações:

2 comentários :

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Tem homem de sunga. Tem homem de terno. Têm músculos cobertos. Têm músculos desnudos. Tem loiro. Tem moreno. Tem ruivo. Tem até calvo bonitão e mulato saradão, OBA !

    ResponderExcluir