sexta-feira, abril 06, 2012

Ciao!!!


Começo com um desabafo: cada vez que leio um livro da Candace Camp – incluindo as reedições (como é o caso, embora ainda inédito para mim) – eu me pergunto em que galáxia morava para não ter lido nada dela antes!
Pois bem, esse não foi exceção.

Indiscreta – Candace Camp – Rainhas do Romance Histórico 12
(Indiscret – 1997 - MIRA)
Personagens: Benedict Wincross e Camilla Ferrand

Camilla estava encrencada: viajava a caminho de Chevington Park, onde seria desmascarada. Ela não pretendia se casar, mas, para se livrar da pressão familiar, inventara um noivo. Agora, com o avô às portas da morte, voltava para casa, sem noivo nenhum... Até que um imprevisto coloca a vida dela em risco e a deixa dependente de um estranho, em quem ela não sabia se poderia confiar. Como confusão pouca é bobagem, este estranho, Benedict, se tornou o noivo de mentirinha de Camilla... E este noivado era conveniente para ele, que tinha uma missão a cumprir na região. No entanto, ambos não podem se iludir achando que as mentiras que contam serão suficientes para resolver os problemas que os esperam...

Comentários:

- O livro começa assim: o falso noivado de Camilla vai ser desmascarado quando ela chegar à casa do avô, de quem é herdeira. O pior não seria a decepção dele, mas aturar os comentários maliciosos-fofoqueiros da Tia Beryl (sabe aquele parente que se acha o pilar moral da família, fomenta e celebra a desgraça alheia? Achooooooooooooou!). No meio do caminho, se perdeu e acabou encontrando uma confusão (como se a vida dela estivesse um mar de rosas): quase foi morta, se desentendeu com um estranho, foi salva por ele... E terminou desabafando seu problema em uma taverna para o estranho e um amigo dele, em uma conversa regada por licor demais... Para no dia seguinte, acordar com um marido comprado, que ela não tinha a menor ideia de quem era de verdade e achando que esse plano daria certo...

- Por mais que a minha lingua coce (e está coçando) não posso falar mais que isso. Aí você vai me dizer: “poxa, mas isso é o que move o livro? Um falso noivado?” Sim, a confusão começa aí, mas é tia Candace, bebê – você sabe que as coisas começam complicadas, ficam complicadíssimas, complicadérrimas até, finalmente, desembolar tudo e estabelecer a paz. Só que até a paz invadir o coração, tem muita coisa pra acontecer. O que eu posso antecipar? Hn... Ah, você vai rir – em especial, do sofrimento alheio (teve uma cena em especial - sobre “como a curiosidade pode matar o gato” – que me fez ter uma crise de riso. Pior: em público!!!). Você também vai ter vontade de distribuir algo que varia entre cascudos até porradas, digo, incentivo à oxigenação e melhor funcionamento do cérebro. Mas fique tranquilo, tudo em prol de uma causa nobre XD E também queria dizer que gostei muito do primo Anthony, bem que a tia Candace poderia escrever um livro dele ^^


- Linkitos: Tem comentários sobre o livro (a primeira versão) no Romances in Pink  e também no
Good Reads. E leia também resenhas de outros livros da autora no LdM. O Fantastic Fiction tem página da autora e do livro. Além disso, podem visitar o site oficial da autora.

Bacci!!!

Beta
Reações:

7 comentários :

  1. Eu também perdi esse livro na primeira vez em que foi lançado... agora não perco mais!

    ResponderExcluir
  2. Não! Me recuso! Faço greve de literatura, mas você não vai me viciar em mais uma autora!
    Já chega os 723472349239 milhões de séries que você já me fez ler, a coleção de Senhores que você me fez ter! Não vai me fazer viciar em mais uma aut.... ai, cadê o livro dela pra eu ler??

    ResponderExcluir
  3. Ai, que bom que o livro é ótimo! Eu comprei, logo logo vou ler!!!

    =)

    ResponderExcluir
  4. Eu também perdi a primeira vez que lançaram aí outro dia achei no sebo e comprei,a capa atual é linda.
    O que vale é o conteúdo e estou muito curiosa para ler, adora essa autora.

    Beijos

    Luciana(✿◠‿◠)
    ♪♥ Apaixonada por Romances♥ ♪

    ResponderExcluir
  5. Ora, esse romance parece ser muito bom, principalmente por causar uma crise de riso em público (essas risadas são melhores e esses romances são melhores !). Aliás, eu li "Audácia" de Candace Camp como vocês indicaram, ok ? Ou melhor: como vocês instigaram ! Eu li aquele romance em cada fatia de tempo livre que eu obtive, como entre atender um paciente e preparar uma consulta ou entre cozinhar arroz para um almoço e lavar louça de almoço inteiro. Mas eu não havia terminado sua leitura ainda em iniciozinho de março quando eu fui viajar, portanto ele foi comigo para Las Vegas. Eu terminei-o em meu vôo de volta, com um iceberg de ar condicionado sobre minha cabeça. Mas ...


    SPOILER SPOILER SPOILER


    Eu faria UMA modificação naquele enredo se Candace Camp viesse a revê-lo para republicar. Nada de tiro no peito !!! Ângela teria de fazer melhor, depois de NOVE ANOS DE CASAMENTO DE TERROR INFERNAL, FISICO E MENTAL, SEGUIDO DE QUATRO ANOS DE PESADELOS TORTURANTES !!! Eu não sei como ele não resolveu empalá-la e estuprá-la e sodomizá-la com aquela estátua de sátiro naquele jardim labiríntico !!! Ela continuava amorosa e bondosa apesar de tudo, então estava tremendo ao segurar aquele revolvinho. Pois então que ela errasse seu tiro, atingindo-o em uma perna, decepando sua artéria femoral para que ele sangrasse até morrer, sem poder mover-se, sem poder ser socorrido, vendo seu sangue esvair-se impiedosamente enquanto sentisse todo mal-estar de falência múltipla orgânica causado por esse tipo de ferimento. Ah, ele merecia !!!


    Como aquele monstro pôde chamar-se Dunstan, ofendendo meu Lobo Domado de olhos verdes ?! Como aquele monstro pôde viver em Anquith, tão semelhante à ANSQUITH, propriedade que seria herdada por Simon, casado com Bethia, quando ela perdesse seu pai e ele perdesse seu sogro ?! Deborah Simmons Megami Sama perdoe essa afronta !!!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Beta!

    Bem, eu não acreditei quando há tempos atrás você disse que não conhecia Dona Candace. Como podia ser isso se eu, a leiga enxerida conhecia e a minha guru, não?????

    Mas ainda bem que você se redimiu dessa falta grave e agora nos dá o prazer de ler as resenhas sobre seus livros.

    Esse aí eu ainda não li: culpa dos livros lusitanos que a Tonks indica. Chegou uma remessa nova e enquanto eu obsessivamente não terminar de ler tudo, não vai haver tempo para mais nada. Agora só falta um e assim que terminar Dona Candace terá seu lugar de honra na minha mesinha de cabeceira.

    Ah, Sil, Audácia foi minha estreia com a Dona Candace, e que estreia - e eu concordo plenamente com você: SPOLIER, SPOILER, SPOILER!!!!!

    Aquele filho duma égua manca que cruzou com o demo merecia sofrer, sofrer muito... Realmente, tiro no peito foi muito misericordioso pro que ele fez. Ai, o castigo foi pouco, muito pouco!!!! Ele ainda fez a coitada admitir culpa de adultério no tribunal, passar por uma situação humilhante publicamente para poder se livrar dele, quando ELE a entregou pros amigos fazerem o que quisessem da coitada, ai que ódio!!!!!

    Bem, estou no clube para sugerir novas torturas para o meliante. Conte comigo!!!!

    Beijos a todos!!!

    ResponderExcluir
  7. Pois então (SPOILER, SPOILER, SPOILER, SPOILER, SPOILER): entregá-la para aqueles três amigos sarnentos para ser estuprada por eles foi o que ele fez de pior para ela ! Oh, como eu fiquei furiosa e insana quando eu li isso !!! Ele merecia ter caído em mãos de criminosos impiedosos - amigos e apaixonados daquela prostituta que ele sodomizou - para ser fatiado lentamente, lâmina por lâmina, para ser posto em uma bandeja e servir de repasto aos cães !!!

    ResponderExcluir